Verstappen vence de ponta a ponta o GP da Áustria e amplia vantagem para Hamilton no campeonato, Norris termina em terceiro


E pela segunda vez em dois fim de semanas, Max Verstappen da Red Bull desfrutou novamente de mais uma vitória na casa da equipe Red Bull , no circuito de Red Bull Ring, que neste fim de semana foi palco do GP da Áustria. O piloto holandês que teve um apoio incondicional de sua torcida laranja que encheu as arquibancadas do circuito ,venceu de ponta a ponta e assim como no GP da Estíria , Verstappen não sofreu nenhuma ameaça e com isso a 10 voltas do final fez uma pit stop extra para trocar os pneus e marcar a volta mais rápida da corrida, e assim fez o seu primeiro 'Grand Slam' que é pole, vitória, volta mais rápida e liderar todas as voltas da corrida.

Enquanto isso o maior rival de Verstappen na busca pelo título mundial desta temporada, Lewis Hamilton da Mercedes, não teve vida fácil assim como no último fim de semana, logo após assumir a segunda colocação tudo parecia que iria se repetir porém após atacar a zebra de uma das curvas seu carro acabou sofrendo um dano na aerodinâmica o que fez assim com que ele perdesse rendimento e acabou entregando a segunda colocação para seu companheiro de equipe Valtteri Bottas e logo depois para o seu compatriota da Mclaren, Lando Norris para assim completarem o pódio. Para o campeonato a quarta colocação na corrida para Hamilton não é nada bom pois agora a desvantagem para Verstappen subiu de 18 para 32 pontos. 

Lando Norris da Mclaren que conseguiu ir ao pódio neste domingo ao conquistar o terceiro lugar e foi o 'piloto do dia', fez uma corrida espetacular chegando a segurar por algumas boas voltas a dupla da Mercedes, o que lhe rendeu um elogio de Hamilton quando o superou, mas o inglês da Mclaren acabou recebendo uma penalização de 5s por ter empurrado Sergio Perez da Red Bull na curva 4 para o cascalho no momento em que o mexicano vinha pelo lado de fora da curva para ultrapassa-lo e isso de fato mexeu no resultado pois uma vez que ele precisou pagar a punição em seu pit stop, e caso não tivesse a penalização, conseguiria ter ficado à frente de Bottas já que ele terminou à 2s apenas do finlandês. 

O mexicano da Red Bull, Sergio Perez, acabou caindo quase para fora do top 10 conseguiu ter uma pequena recuperação na corrida e cruzou a bandeirada na sexta colocação após também receber uma punição de 5s por ter jogado por 2 vezes Charles Leclerc para fora da pista, um resultado bem ruim para quem almejava brigar pelo top 3 neste domingo.

Logo à frente de Perez, na quinta colocação tivemos Carlos Sainz da Scuderia Ferrari que mais uma vez fez uma corrida fantástica e conquistou bons pontos enquanto seu companheiro de equipe, Charles Leclerc terminou na oitava colocação atrás de Daniel Ricciardo da Mclaren que foi outro piloto que também conseguiu fazer uma boa corrida.  

A equipe Alpha Tauri que começou o fim de semana muito bem e parecia que eles iriam surpreender a todos durante a corrida acabou deixando muito a desejar já que Pierre Gasly que havia largado na sexta posição terminou apenas na nona colocação enquanto Yuki Tsunoda que largou na sétima posição cruzou a bandeira apenas na décima segunda colocação. O piloto japonês que foi um dos pilotos da corrida a receber punição de tempo, mas no caso dele por causa de não respeitar a linha de entrada dos boxes. 

E na décima colocação tivemos um grande duelo entre duas gerações, no caso os protagonistas foram o bicampeão da Alpine, Fernando Alonso e George Russell da Williams, os dois travaram uma briga muito dura e respeitável nas voltas finais da corrida pela conquista do décimo lugar, porém o espanhol com toda sua experiência e também por ter um equipamento melhor que o de Russell acabou levando a melhor e com isso o jovem piloto acabou mais uma vez batendo na trave de conquistar seu primeiro ponto para a equipe Williams, no caso também seria o primeiro ponto da equipe nesta temporada. 

Kimi Raikkonen e Sebastian Vettel , ex-companheiros de equipe acabaram na última volta se tocando na saída da curva 4, no caso a culpa foi toda de Raikkonen que aparentemente não viu o alemão chegando para lhe ultrapassar por dentro e com isso acabou tocando no mesmo e ambos indo parar no cascalho. Os comissários deram uma penalidade de 20s e dois pontos na carteira para o finlandês da Alfa Romeo. 


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário