Verstappen lidera último dia de testes no Bahrain com o estreante da Alpha Tauri, Yuki Tsunoda em segundo


Max Verstappen da Red Bull novamente voou baixo no final do dia para garantir assim o melhor tempo do dia e no geral da pré-temporada, seguido pelo o estreante da Alpha Tauri, o japonês, Yuki Tsunoda.

Com Verstappen e Tsunoda nas duas primeira colocações, deixa tanto a Red Bull quanto a Alpha Tauri, encorajados no quesito do motor Honda, ambos os pilotos que disputaram a liderança no final da sessão porém o holandês se saiu melhor, ele que utilizou o composto C4 pra cravar a volta mais rápida desta pré-temporada, enquanto o japonês da Alpha Tauri, utilizou o composto mais macio disponível, o C5, para a sua volta rápida. 

O companheiro de equipe de Verstappen, Sergio Perez, chegou a liderar a sessão na parte da manhã mas acabou o dia com o oitavo tempo. 

O terceiro melhor tempo do dia, ficou com Carlos Sainz da Ferrari, que acabou sofrendo um pequeno problema hidráulico mas nada que lhe custasse o dia, ele que utilizou o mesmo composto de Verstappen para marcar a sua volta rápida. Enquanto isso, seu companheiro de equipe, Charles Leclerc, terminou o dia na décima colocação, já que o mesmo marcou seu melhor tempo com o composto médio (C3).

Logo atrás do espanhol da Ferrari, tivemos Kimi Raikkonen da Alfa Romeo, que marcou o quarto tempo com o composto C5 e completou um total de 166, além disso Kimi e Sainz tiveram uma disputa breve na pista, onde os dois acabaram se tocando de leve sem causar aparentemente nenhum dano e escaparam para fora da pista mas logo retornaram.

O heptacampeão do mundo, Lewis Hamilton, que foi para a pista quase 1 hora depois após assumir o lugar de Bottas, utilizou o composto C5 para marcar a sua volta mais rápida que lhe rendeu no fim do dia o quinto posto na tabela de tempos. Nas voltas rápidas de Hamilton podia notar que o W12 parecia estar instável, mas nada que a equipe alemã não possa resolver. Valtteri Bottas por sua vez terminou o dia na décima sexta posição, ele que chegou a reclamar que a traseira do W12 estava ágil mas implacável na sessão de ontem, no entanto disse que hoje houve uma melhora, mas a volta de finalndês foi feita com o composto duro C2.  A Mercedes que termina a pré-temporada como sempre, sem mostrar realmente o seu desempenho implacável e eficiente. 

George Russell da Williams que assumiu o comando pelo primeira vez do FW43B nesta pré-temporada, após Roy Nissany e Nicholas Latifi, terem guiado o bólido nos dois dias anteriores, completou 157 voltas e terminou o dia com o sexto melhor tempo do dia. 

Em mais uma exibição solida nesta pré-temporada, a dupla da Mclaren, com Daniel Ricciardo terminando o dia com o sétimo tempo enquanto Lando Norris que chegou a marcar o terceiro tempo na parte da manhã, terminou o dia com o décimo primeiro tempo. 

Fernando Alonso que hoje dividiu o carro com Esteban Ocon, terminou o dia com nono tempo, enquanto o jovem francês ficou com o décimo terceiro tempo. A equipe Alpine que tinha como meta nesta pré-temporada era entender o máximo do carro e obter um ritmo constante e devido a isso nem Alonso e nem Ocon fizeram voltas rápidas como alguns de seus rivais. 

Nas últimas colocações tivemos a dupla da Aston Martin, com Sebastian Vettel superando pela primeira vez Lance Stroll. Porém a equipe voltou a ter problemas, dessa vez constataram uma perda de pressão do turbo no momento em que Vettel estava no comando do bólido, e isso acabou custando para o piloto alemão os 90 minutos finais da sessão. Ambos os pilotos que marcaram suas voltas rápidas com o composto médio (C3).

Os bólidos que voltam a ir para a pista no dia 28 deste mês para o GP do Bahrain. 



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário