De maneira impecável, George Russell domina sexta-feira em Sakhir e Fittipaldi marca o 18º tempo

E George Russell continuou a mostrar um ritmo impressionante ao comando do W11 da Mercedes e fechou está sexta-feira na ponta, mostrando até o atual momento que a equipe não precisa sentir falta de Lewis Hamilton, já que ele dominou as duas sessões de treinos livre do GP da Sakhir tranquilamente. 

Enquanto isso Valtteri Bottas, que pilotar o outro bólido da Mercedes e tem contrato para mais uma temporada na equipe, fechou está sexta-feira apenas em décimo primeiro sendo 0,6s mais lento que Russell. Porém em dado momento o finlandês chegou a fazer 54.5 mas acabou sendo excluído seu tempo por não respeitar o limite de pista, mas não foi um caso especifico pois muito pilotos também tiveram esse grande problema de respeitar o limite de pista.

Max Verstappen por sua vez fez o seu dever de casa e ficou na posição que já virou costume, na segunda colocação à 0,1s atrás de Russell, mas quem chamou a atenção também, mas já era esperado, foi Sergio Perez da Racing Point que resolveu pisar fundo dessa vez e com isso ficou com o terceiro tempo à 0,153s do melhor tempo. 

O francês Esteban Ocon, conseguiu colocar a Renault na quarta colocação superando assim Alexander Albon da Red Bull que ficou com o quinto melhor tempo da sessão. 

Daniil Kvyat da Alpha Tauri teve uma sexta-feira muito boa pois após marcar um quinto melhor tempo na primeira sessão terminou o dia com o sexto tempo à 0,3s do melhor tempo da sessão, mostrando assim que este fim de semana ele deve ter um ritmo forte contra seu companheiro de equipe Pierre Gasly, que nesta segunda sessão ficou com o nono tempo. 

Assim como em terceiro e quarto, a sétima e oitava colocação ficaram com uma Racing Point e uma Renault só que com Lance Stroll e Daniel Ricciardo.

Após a primeira sessão não termos nenhum bólido da Mclaren, nesta segunda sessão em Sakhir, tivemos Carlos Sainz que conseguiu marcar o décimo tempo. O espanhol que durante a simulação de corrida acabou tendo um problema nas marchas mas não causou muito estrago nas atividades do mesmo. 

O brasileiro Pietro Fittipaldi que guia neste fim de semana o bólido de Romain Grosjean na equipe Haas, permaneceu no final da tabela junto de Jack Aitken da Williams e Charles Leclerc da Ferrari. 

A Ferrari que teve uma sexta-feira daquelas, tendo Sebastian Vettel tendo muitos problemas com o carro saindo de traseira e Charles Leclerc que nem conseguiu marcar tempo devido a um problema no eixo de transmissão, porém a equipe italiana tem espaço para melhor já que na primeira sessão ambos os carros estavam no top 10, agora basta saber se tudo ocorrerá perfeito na hora do treino classificatório. 



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário