Verstappen supera dupla da Mercedes e lidera última sessão de treinos livres no Bahrain

E Max Verstappen resolveu por 'lenha na fogueira' se durante os dois primeiros treinos livres parecia que este seria um fim de semana para Lewis Hamilton passear, a situação mudou um pouco na última sessão de treinos já que  jovem holandês da Red Bull, conseguiu cravar o melhor tempo da sessão superando assim Lewis Hamilton que foi o segundo e Valtteri Bottas que foi o terceiro. 

 O mais novo heptacampeão do mundo, Lewis Hamilton, parecia ter algum problema com o seu bólido com isso ele retornou para os boxes para ser feito alguma coisa porém quando a equipe o mandou de volta para a pista, a luz vermelha acendeu sinalizando o fim da sessão, e assim ele retornou aos boxes por seus mecânicos. 

Alexander Albon da Red Bull que durante a segunda sessão de treinos livres, havia destruído o seu bólido e precisou de um novo chassi, não conseguiu acompanhar como de costume seu companheiro de equipe, porém conseguiu fazer o dever de casa e marcar o quarto tempo. 

A equipe Mclaren que ainda não tinha mostrado todo o seu potencial com ambos os carros, viu nesta última sessão sua dupla terminar no top 10, com Carlos Sainz em quinto e Lando Norris em sétimo rivalizando assim com a dupla da Alpha Tauri que teve Pierre Gasly em sexto e Daniil Kvyat em oitavo. O piloto russo que recebeu uma nova unidade de potência, porém como eles ainda estão dentro do limite, ele não receberá nenhum penalidade no grid.

Fechando o top 10 tivemos as Racing Point com Lance Stroll em nono e Sergio Perez décimo, porém este ainda não é o real potencial pelo menos do piloto mexicano que ainda durante ontem (27) havia dito que iria sacrificar seu ritmo de uma volta rápida para ter bons ganhos na corrida, ele que chegou a ser o terceiro durante as simulações de corrida. 

A equipe Renault por sua vez ficou de fora do top 10, porém por uma margem muito pequena em relação as Racing Point, Daniel Ricciardo ficou com o décimo primeiro tempo à 0,024s de Stroll e Esteban Ocon que marcou o décimo segundo tempo ficou à 0,031s do tempo do canadense. 

Sebastian Vettel e Charles Leclerc da Ferrari amargaram mais um treino fora do top 10, tendo respectivamente feito apenas o décimo terceiro e décimo quinto tempo, mostrando que de fato este não é o fim de semana para a Scuderia de Maranello. 



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário