Bottas comanda dobradinha da Mercedes e fecha sexta-feira em Mugello na ponta


E Valtteri Bottas parece que casou bem com o circuito de Mugello, pois dominou está sexta-feira na Toscana, após ter liderado a primeira sessão, a segunda ele repetiu o mesmo feito porém desta vez teve seu companheiro de equipe, Lewis Hamilton com o segundo melhor tempo.

O finlandês que foi o único piloto a marcar uma volta na casa de 1min16s, tendo feito 1min16.989s, colocando cerca de 0,2s de diferença para Hamilton. Porém no momento em que muitos pilotos estavam se preparando para iniciar as suas simulações de classificações Lando Norris da Mclaren acabou rodando e batendo o seu bólido trazendo assim uma bandeira vermelha para a pista, a qual durou cerca de 10 minutos, com isso muitos preferiram aborta suas atividades de voltas rápidas por hoje. 

A dupla da Red Bull diferente do que vimos em Monza, parecem ter um carro mais adequada para este tipo de circuito e com isso tivemos Max Verstappen terminando o dia com o terceiro melhor tempo enquanto seu companheiro de equipe Alexander Albon ficou logo atrás com o quarto tempo sendo 0,7s mais lento que o holandês. 

Atrás da dupla da Mercedes e da dupla da Red Bull, tivemos a dupla da Renault, com Daniel Ricciardo em quinto e Esteban Ocon em sexto, tque terminaram o dia com um bom resultado já que o RS20 não é um carro tão adequado para este tipo de circuito. 

Sergio Perez da Racing Point, que anunciou nesta semana que irá deixar a equipe no final desta temporada, ficou com o sétimo tempo seguido pelo vencedor do GP da Itália, Pierre Gasly que marcou o oitavo tempo para a Alpha Tauri. Kimi Raikkonen que volta após 20 anos de seu primeiro teste de F1 que aconteceu nesta pista, marcou um encorajador nono tempo para a Alfa Romeo.

Em seu fim de semana de comemoração dos 1000 GPs, a equipe Ferrari fechou o dia como tem sido de costume, com seus carros longe das primeira colocações, Charles Leclerc que tem liderado a equipe, após ter feito o terceiro tempo na primeira sessão, acabou ficando apenas com o décimo nesta segunda sessão, enquanto Sebastian Vettel que sofreu durante o treino com algumas rodadas na pista e viu seu motor desligar no final da sessão, terminou o dia com o décimo segundo tempo à 0,098s do seu companheiro de equipe. 

Além de Norris, tivemos Raikkonen e Perez causando uma bandeira vermelha, num incidente bem estranho no final da sessão na curva 1, o mexicano vinha saindo do pit lane e acabou tocando na traseira do bólido do finlandês, que acabou indo para a brita enquanto o piloto da Racing Point, continuou na pista tendo danificado apenas uma parte da sua asa dianteira. 




Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário