Bottas desbanca Hamilton e crava a pole position para o GP dos 70 anos da F1, Hulkenberg brilha e marca o terceiro tempo

 

E quando tudo parecia estar encaminhado para Lewis Hamilton conquistar a sua 92ª pole no do GP dos 70 anos da F1, Valtteri Bottas que recentemente teve seu contrato renovado com a Mercedes para 2021, surpreendeu a todos e desbancou o seu companheiro de equipe, ficando assim com a pole position. O finlandês que com está pole atingi um total de 13 pole position carreira. 

Valtteri Bottas que durante toda a sessão de classificação estava sempre à frente de Lewis Hamilton, mas no Q3 as coisas pareciam querer, mudar já que desta a primeira tentativa o inglês vinha rápido e melhorando suas voltas, mas o sangue frio de Bottas, não o deixou abalado e na sua última tentativa ele foi pro tudo ou nada para abater seu companheiro de equipe, e conseguiu por cerca de 0,060s. 

Desde a primeira sessão tivemos surpresas na terceira posição, e não foi diferente no treino classificatório, já que tivemos Nico Hulkenberg da Racing Point cravando um heroico terceiro lugar ficando à frente de Max Verstappen da Red Bull. O alemão que desde a última corrida vem sendo o substituto de Sergio Perez que está com COVID-19. 

Outra surpresa também, foi Daniel Ricciardo da Renault que marcou o quinto tempo seguido pelo outro carro da Racing Point, Lance Stroll. 

Pierre Gasly da Alpha Tauri, continua mostrando um desempenho espetacular, e foi capaz de marcar um sétimo tempo se colocando à frente de Charles Leclerc da Ferrari que foi o oitavo e Alexander Albon da Red Bull que foi apenas o nono tempo. Completando o top 10, tivemos Lando Norris da Mclaren, que por hora neste fim de semana não vem tendo um excelente ritmo como o do último. 

A Ferrari que neste sábado que obteve seu pior desempenho desde 2014 em Silverstone, mesmo Leclerc tendo feito o oitavo tempo, tiveram que amargar com Sebastian Vettel um doloroso décimo segundo.

Tivemos alguns destaques na parte de trás do grid que foram Romain Grosjean da Haas que conseguiu ir para o Q2 e o menino, George Russell da Williams, que mais uma vez tirou leite de pedra e assim como o francês foi para o Q2.

Assumindo o lugar de pior equipe neste sábado, tivemos a Alfa Romeo que teve seus dois carros nas duas últimas colocações com Giovinazzi em décimo nono e Raikkonen em vigésimo. 


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário