Hamilton tem problema e Vettel lidera quinto dia de testes em Barcelona


E no quinto e penúltimo dia de testes em Barcelona, Sebastian Vettel colocou a Ferrari no topo da tabela de tempos mesmo tendo rodado na parte da manhã que também foi quando ele marcou o melhor tempo do dia com 1min16.841s

O alemão Ferrarista que contou com o composto C5, o mais macio de todos para marcar a sua volta rápida sendo 0,2s mais rápido que Pierre Gasly da Alpha Tauri que também utilizou o composto C5 e ficou com o segundo melhor tempo do dia. 

O terceiro melhor tempo do dia ficou com a equipe sensação desta pré-temporada, a Racing Point, que teve Lance Stroll ao comandando do RP20 neste dia. Diferente dos dois pilotos à sua frente, Stroll utilizou o composto C3 e foi 0,277s mais lento que Vettel e 0,052s mais lento que Gasly.

Quem surpreendeu também nesta quinta-feira (27) em Barcelona, foi o novato, Nicholas Latifi da Williams, que completou 158 voltas e marcou o quarto tempo do dia, tendo utilizado o composto C5 em sua volta rápida. 

A Mclaren por sua vez viu Lando Norris terminar o dia sem muita euforia com o quinto tempo, seguido por Max Verstappen da Red Bull que guiou o RB16 na parte da manhã e completou apenas 31 voltas enquanto seu companheiro de equipe, Alexander Albon, que assumiu o bólido na parte da tarde ficou com o décimo tempo e completou 60 voltas.

Se para Red Bull não foi um dia de altas quilometragem, para equipe Mercedes a situação foi bem pior, pois Valtteri Bottas que ficou com o sétimo melhor tempo completou humildes 47 voltas, e foi o último carro a andar na casa de 1min17s, algo bem atípico, já que a Mercedes até aqui sempre fez questão de completar muitas voltas com seus dois pilotos.   

O hexacampeão, Lewis Hamilton, teve um dia para esquecer, pois quando ia assumir o comando do W11 na parte da tarde, acabou tendo que abandonar precocemente , tendo completado apenas 14 voltas e ficado com o pior tempo do dia. De acordo com as  informações da equipe, houve um problema na pressão do óleo que levou o motor a parar, por precaução, desta maneira a bandeira vermelha precisou ser acionada para que pudessem socorrer o W11. 



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário