Vettel comanda dobradinha da Ferrari em primeira sessão de treinos livres na Bélgica



E a segunda metade da temporada de 2019 da F1, começou com um céu radiante sob o circuito de Spa-Francorchamps na Bélgica, e quem comandou está bela primeira sessão foi Sebastian Vettel da Ferrari que foi seguido pelo seu companheiro de equipe , Charles Leclerc, garantindo assim um domínio total da equipe Ferrari na primeira sessão. 

A Scuderia italiana que trouxe especificação novo do motor afim de poder fazer frente novamente a Mercedes. 

Logo atrás da dupla da Ferrari, tivemos a dupla da Red Bull, com Max Verstappen em terceiro e Alexander Albon em quarto. O jovem tailandês que faz sua estreia na Red Bull, após assumir o lugar de Pierre Gasly que foi rebaixado para a equipe satélite , a Toro Rosso. Entretanto neste primeiro fim de semana como piloto titular da Red Bull, Albon não terá vida fácil, já que ele foi o escolhido para acoplar a nova especificação do motor Honda, e com isso perderá várias posições no grid de largada do GP da Bélgica, assim como outros tantos pilotos que também estarão testando especificações novas de seus motores. 

As 'flechas de prata' não começaram nada bem, já que Valtteri Bottas que foi confirmado ontem que permanecerá na equipe para a temporada de 2020, terminou com o quinto tempo e Lewis Hamilton, acabou tendo um problema no pedal do acelerador o que cursou a ele um grande tempo da sessão, e com isso terminou a sessão com o sexto tempo. Mas vale ressaltar, que nenhum dos pilotos da equipe alemã utilizou os pneus macios.


Lance Stroll da Racing Point fez um bom treino e ficou com o sétimo tempo, sendo o melhor do resto, ele também que protagonizou um momento bizarro, que foi quando a parte direita da tampo do motor, acabou explodindo no final da reta 'Kemmel', o que resultou em um 'safetycar virtual' para limparem a pista. Sergio Perez companheiro de equipe do canadense, conseguiu terminar no top 10, com o nono melhor tempo, mostrando que eles podem ter uma bom fim de semana na Bélgica, já que olhando para os resultados das temporadas passadas, quando a equipe ainda era Force India, sempre conquistaram bons resultados. 

O oitavo melhor tempo ficou com Daniel Ricciardo da Renault , que neste fim de semana irá testar a nova especificação do motor francês, assim como seu companheiro de equipe Nico Hulkenberg e o espanhol da Mclaren, Carlos Sainz , que completou o top 10. 

Pierre Gasly que retornou para à Toro Rosso, terminou a sessão com o décimo oitavo tempo ficando à frente apenas das duas Williams, que teve Nicholas Latifi no lugar de Russell nesta primeira sessão e que marcou o décimo nono tempo e Robert Kubica em vigésimo.



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário