Ferrari domina sexta-feira na Alemanha com Leclerc superando Vettel no segundo treino livre


E no fim de semana em que a Mercedes corre em casa e celebra com uma pintura especial os 125 anos da marca no automobilismo, quem está roubando a cena é a sua rival , a Scuderia de Maranello, que dominou esta sexta-feira na Alemanha com seus dois carros nas primeiras colocações.

Charles Leclerc que havia sido o segundo colocado na primeira sessão, deu o troco em seu companheiro de equipe, Sebastian Vettel e o superou por cerca de 0,1s , mostrando que ele não vai facilitar a vida do alemão, que corre em casa e tenta ser o primeiro a conquistar a primeira vitória da Ferrari nesta temporada. 

A Mercedes como esperado trouxe um pacote de atualização na tentativa de aliviar os problemas com o resfriamento do motor , devido as altas temperaturas que a Europa tem sofrido. Lewis Hamilton que ficou com o terceiro tempo na primeira sessão, fechou o dia na mesma colocação, à 0,1s também do tempo de Leclerc , enquanto Valtteri Bottas ficou com o quarto tempo porém bem longe dos três primeiros colocados, ficando à 0,6s do melhor tempo. O finlandês que acabou batendo na primeira sessão. 

A Red Bull mais uma vez sofreu uma mistura de emoções nesta segunda sessão, pois enquanto Max Verstappen ficou com o quinto lugar bem próximo de Bottas, o seu companheiro de equipe, Pierre Gasly , terminou em décimo quinto, e por cima ainda bateu forte com o carro na última curva causando uma bandeira vermelha. 

Romain Grosjean da equipe Haas que também é um dos pilotos que estão sob pressão, voltou a  mostrar serviço e marcou o sexto tempo enquanto seu companheiro de equipe, Kevin Magnussen ficou apenas com o décimo oitavo tempo, porém o que chamou mais a atenção neste resultado foi que Grosjean estava utilizando a especificação do GP da Austrália assim como aconteceu na primeira sessão e Magnussen estava com o último pacote de atualização aerodinâmica no carro. 

Como a maioria das equipes, a Racing Point também trouxe um novo pacote com melhorias para o GP da Alemanha e por enquanto tem obtido resultados encorajadores, com Lance Stroll que terminou o dia com o sétimo tempo e Sergio Perez em décimo . 

Kimi Raikkonen da Sauber e Nico Hulkenberg da Renault ficaram entre a dupla da Racing Point, com o oitavo e nono tempo. 


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário