Hamilton vence o GP 1000 da F1 na China e Mercedes conquista a terceira dobradinha consecutiva na temporada


E neste domingo não poderia haver outro vencedor no GP 1000 da F1 se não fosse Lewis Hamilton da Mercedes, que vem fazendo história na categoria e tem tudo para se tornar o maior campeão e vencedor na história da categoria da rainha. 

Lewis Hamilton que largou na segunda posição atrás de seu companheiro de equipe Valtteri Bottas, conseguiu na corrida melhora o seu ritmo comparado com os treinos e fez uma largada impecável e assumiu em poucos metros a primeira colocação, da onde ficou até a bandeirada, sem qualquer ameaça. O inglês que com está vitória chega a sua segunda vitória em 3 corridas assumindo assim a liderança do campeonato que até então era de Valtteri Bottas. 

O finlandês que conquistou a pole position do GP 1000 da F1, não conseguiu se sobressair diante de Lewis Hamilton e teve que se contentar em ficar com a segunda posição, e também não chegou a receber ameaças, o que facilitou muito a equipe alemã conquistar a terceira dobradinha em 3 corridas. Este resultado na China mostra que está temporada a Mercedes tem tudo para dominar e de maneira fácil pois se esperava uma Ferrari a altura deles para protagonizar uma batalha pela vitória mas a equipe italiana o máximo que conseguiu fazer foi conquistar um lugar no pódio. 

Enquanto a Mercedes só tem o que comemorar a Ferrari a cada corrida que passa vê a pressão aumentar, pois como todos vinham dizendo até os treinos livres, a Ferrari tinha tudo para brigar de igual para igual com a Mercedes entretanto no sábado tanto Sebastian Vettel que marcou o terceiro tempo quanto Charles Leclerc que marcou o quarto tempo ficaram à 0,3s da pole position, e na corrida não foi tão diferente, o alemão que na largada perdeu a posição para seu companheiro de equipe, Leclerc, voltou a posição de largada após comunicar para a equipe que ele era mais rápido que o monegasco o que vez com que a Ferrari mais uma vez utiliza-se suas ordens de equipe, e desta forma o alemão que chegou a até travar uma pequena batalha com Ma xVerstappen da Red Bull pela terceira posição, cruzou a linha de chegada na terceira posição à 13s de Hamilton. Enquanto Vettel ia ao pódio, Charles Leclerc viu a equipe de Maranello cometer um grande erro de estratégia que custou a ele a quarta posição e até uma possível brigar com Vettel pela terceira posição, pois a equipe preferiu que o monegasco permanecesse na pista no primeiro 'stint' por mais tempo e assim acabou perdendo nos boxes a posição para Max Verstappen da Red Bull. 

A equipe Red Bull teve até uma corrida positiva, pois além de Verstappen ter superado uma Ferrari e terminado na quarta posição, pela primeira vez nesta temporada, Pierre Gasly conseguiu ter um ritmo forte durante a corrida que foi o suficiente para ele manter a sua posição de largada e cruzar a linha de chegada na sexta posição, ajudando assim a equipe garantir mais alguns pontos importante. 

O melhor do resto na sétima colocação foi Daniel Ricciardo da Renault que marcou seus primeiros pontos pela  Renault enquanto seu companheiro de equipe, Nico Hulkenberg, não conseguiu terminar a corrida devido a problemas. 

Sergio Perez da Racing Point que largou na décima segunda posição conseguiu terminar em oitavo lugar, pontuando pela segunda vez consecutiva nesta temporada, seguido pelo 'Homem de Gelo', Kimi Raikkonen da Alfa Romeo, chegou na nona posição e permanece na sétima posição no campeonato de piloto. 

O décimo colocado fez uma corrida espetacular e foi o piloto do dia, Alexander Albon da Toro Rosso, que sofreu um forte acidente nos minutos finais do terceiro treino livre e ficou sem participar do treino classificatório, além de ter largado dos boxes, não se envolveu em nenhum incidente durante a corrida inteira e desta maneira conseguiu terminar na zona de pontuação, e este resultado coloca mais pressão ainda em Gasly que se não mostrar resultados satisfatório pode retornar a Toro Rosso durante a temporada, assim como aconteceu com Daniil Kvyat na temporada de 2016, quando foi rebaixado.




Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário