Bottas supera Hamilton na largada e vence o GP da Austrália



Se a maioria dos fãs esperavam uma briga entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel pela vitória do GP da Austrália , acabaram caindo do cavalo porque Valtteri Bottas companheiro de equipe de Hamilton, ainda na largada pulou para a ponta da corrida e dali não saiu mais, além de ter cruzado a linha de chegada à 23s de vantagem para seu companheiro. 

O finlandês da Mercedes além de ter liderado a corrida de ponta a ponta, ainda brigou  no final com Max Verstappen para ver quem faria a volta mais rápida pista, e como Bottas estava imbatível durante a corrida, ele foi capaz de cravar o melhor tempo da corrida, sendo 1s mais rápido do que o tempo estabelecido por Verstappen, e assim ele ganhou o ponto extra pela volta mais rápida da corrida. Bottas que inicia a temporada de 2019 com 26 pontos contra 18 de Lewis Hamilton. 

Enquanto Bottas teve uma vida tranquila para vencer a corrida, Hamilton acabou tendo que segurar a pressão de Max Verstappen  até o fim e garantiu assim a segunda colocação, enquanto Verstappen cruzou em terceiro lugar. 

As Ferrari tiveram um fim de semana bem abaixo do que eles pretendiam, já que Vettel e Leclerc em nenhum momento da corrida se mostraram terem desempenho para brigar tanto pela vitória quanto pelo pódio e por isso ficaram apenas com o quarto e quinto tempo. Além disso a equipe Ferrari estreou a primeira ordem de equipe desta temporada, pois Leclerc vinha bem mais rápido que Vettel, mas quando chegou no alemão , aparentemente recebeu a ordem para tirar o pé e permanecer na mesma colocação , e assim como um bom segundo piloto que recebe ordens , ele seguiu o pedido da equipe e cruzou a bandeirada na quinta posição. 

O melhor do resto foi a equipe Haas, que mesmo tendo visto Romain Grosjean ter que abandonar a corrida por causa de um pneu que se soltou de seu carro, eles devem ficar felizes já que Kevin Magnussen salvou o fim de semana terminando a corrida na sexta colocação seguido por Nico Hulkenberg da Renault. 

Em oitavo lugar tivemos Kimi Raikkonen da Alfa Romeo, que dentro das limitações do seu carro ele conseguiu fazer um excelente trabalho. 

Logo atrás do finlandês tivemos Lance Stroll da Racing Point, que com este nono lugar garantiu os primeiros pontos da equipe nesta temporada. Já Daniil Kvyat da Toro Rosso foi excepcional a corrida inteira já que conseguiu segurar a pressão de Pierre Gasly da Red Bull que por sua vez acabou ficando fora da zona de pontuação. 

O piloto da casa, Daniel Ricciardo, não teve sucesso nesta corrida, já que na largada acabou perdendo o bico do RS19 e depois de algumas voltas ele retornou para os boxes com o carro e abandonou a equipe .





Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário