Ricciardo surpreende no fim, bate Verstappen e fica com a pole position para o GP do México


Depois de ter dominado todos os demais treinos livres e voltado a apresentar um forte desempenho durante o Q1 , Q2 e ter feito no Q3 em sua primeira tentativa uma volta bem rápida, tudo parecia se encaminhar para que Max Verstappen se tornasse o piloto mais jovem na história da F1 a conquistar uma pole position, ainda mais que na segunda tentativa tanto as Mercedes quanto as Ferrari não conseguiram melhorar seus tempos, porém faltava Daniel Ricciardo que vinha voando baixo e conseguiu no final da sessão superar seu companheiro de equipe por apenas 0,026s.

A Red Bull que com este resultado consegue pela primeira vez nesta era dos motores híbridos colocar seus dois carros na primeira fila.  Daniel Ricciardo chegou a sua terceira pole na carreira, sendo a segunda nesta temporada.

Lewis Hamilton conseguiu marcar o terceiro tempo seguido por Sebastian Vettel, porém o piloto inglês, amanhã não precisará se arriscar apenas precisa chegar na sétima posição para garantir o campeonato desta temporada, enquanto o alemão da Ferrari precisaria de um milagre para empurrar está decisão para o GP do Brasil.

A quinta e sexta posição ficou com a dupla de finlandeses, Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen. Logo atrás dos finlandeses, tivemos a dupla da Renault, que confirmou o bom ritmo neste fim de semana e marcaram o sétimo e oitavo tempo com Nico Hulkenberg e Carlos Sainz Jr.

A dupla da Sauber, fechou o top 10, com Charles Leclerc em nono e Marcus Ericsson em décimo.

O piloto da casa, Sergio Perez, ficou apenas com o décimo terceiro lugar.



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário