Imbatível, Hamilton crava a sua 80ª pole position da carreira no Japão


E Lewis Hamilton que já havia dominado todos os treinos livres do GP do Japão e era mais do que 0 favorito para a pole position, fez jus ao status, e cravou de maneira tranquila a sua pole position número 80 da carreira, em Suzuka, e para melhorar ainda mais o seu fim de semana que tem sido perfeito, viu Sebastian Vettel seu ainda concorrente pelo título desta temporada, ficar apenas com o nono tempo.

A Mercedes neste fim de semana até aqui sempre mostrou estar ao menos dois passos a frente de qualquer outra equipe, e com isso garantiram novamente uma dobradinha, com Hamilton em primeiro e Bottas em segundo, sendo cerca de 0,3s mais lento que seu companheiro de equipe.

Max Verstappen salvou a sessão classificatória para a Red Bull ao cravar o terceiro melhor tempo da sessão, enquanto seu companheiro de equipe Daniel Ricciardo, teve um problema na sua unidade de potência no Q2 e com isso não pode avançar de fase, e pela segunda vez consecutiva ele vai largar na parte de trás do grid. 

A Ferrari novamente cometeu mais um de seus erros grotescos de estratégia e que dessa vez custou muito caro. A equipe italiana mandou Kimi Raikkonen e Sebastian Vettel para a pista no Q3 com os pneus intermediários, após uma chuva que caiu no Q2, porém a pista já estava em condições ideais para se utilizar os compostos de pista seca, com isso a equipe perdeu um bom tempo, pois enquanto os outros aproveitaram para marcar tempo eles tiveram que retornar aos boxes para trocar os compostos, após a troca Raikkonen conseguiu fazer uma volta que mesmo errando o colocou na quarta posição, diferente de Vettel que em sua primeira volta com o pneu supermacio acabou  saindo da pista e com isso naquele momento ele ficou apenas com o nono tempo, já que na última tentativa a chuva retornou ao circuito no fim da sessão, impossibilitando o mesmo de conseguir melhor o seu tempo. Porém Vettel largará na oitava posição já que Esteban Ocon foi punido com a perda de 3 posições no grid de largada do GP do Japão por desrespeitar a bandeira vermelha no terceiro treino livre. 

Sem Ricciardo e Vettel no top 6, a equipe Haas soube aproveitar muito bem essa chance de ser a melhor do resto ao cravar com Romain Grosjean o quinto melhor tempo da sessão seguido pela dupla da Toro Rosso que fez uma excelente sessão na casa da sua fornecedora de motores, Honda, e com isso vão largar amanhã na sexta e sétima colocação, com Brendon Hartley à frente de Pierre Gasly. 

Sergio Perez completou o top 10 sendo cerca de 9s mais lento que o tempo da pole position, porém como já mencionamos com a punição de Ocon, Perez largará na nona posição e Leclerc da Sauber que marcou o décimo primeiro tempo, largará em décimo lugar. 

A Mclaren neste fim de semana assumiu o lugar da Williams que por muitos GPs sempre figurou nas últimas posições, para a sorte da equipe inglesa, Ericsson da Sauber acabou batendo no Q1, com isso Alonso e Vandoorne só não vão dividir a última fila porque o sueco vai largar na última posição. 


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário