Raikkonen domina último dia de testes em Barcelona e Alonso crava o segundo melhor tempo

Kimi Raikkonen e Fernando Alonso no pit lane - © AFPS

E o último dia de testes da pré-temporada de 2018 da F1, teve Kimi Raikkonen voando baixo e marcando o seu melhor tempo da pré-temporada com 1min17.221s, ficando a menos de 0,1s do melhor tempo da pré-temporada que foi de seu companheiro de equipe Sebastian Vettel, que marcou ontem(8) o tempo de 1min17.182s. O finlandês que como o seu companheiro de equipe também cravou a melhor volta do dia ainda na parte da manhã com o pneu hiper-macio.

Já com o melhor tempo do dia feito na parte da manhã, a última hora da sessão, foi bem movimentada e disputada, tendo Mclaren, Red Bull e Renault brigando pela segunda colocação. Daniel Ricciardo até assumiu a segunda colocação com os pneus super-macios mas acabou sendo desbancado por Carlos Sainz Jr que por fim viu seu compatriota da Mclaren, Fernando Alonso melhorar 0,3s de seu tempo e cravar o segundo melhor tempo do dia, os espanhóis que utilizaram o composto hiper-macio para superarem o australiano da Red Bull.

Porém tanto Alonso e Sainz Jr terminando no top 3, não tiveram o que comemorar, pois ambos enfrentaram problemas em seus carros. Alonso sofreu com problemas do turbo na parte da manhã e perdeu mais de cinco horas, enquanto o motor de seu carro fosse alterado, mas conseguiu terminar o dia tendo completado 93 voltas. Já o espanhol da Renault teve que substituir a caixa de câmbio do RS18 e conseguiu completar apenas 45 voltas.

O quinto melhor tempo do dia ficou com Romain Grosjean da equipe Haas, que foi o piloto que mais completou voltas neste último dia testes, tendo completado 181 voltas.

A Mercedes que diferente de seus rivais, sempre divide as atividades diárias entre seus dois pilotos e hoje não foi diferente, com Lewis Hamilton assumindo o comando do W09 na parte da manhã e Valtteri Bottas na parte da tarde, juntos os dois completaram um total de 201 voltas neste último dia para a equipe alemã. Entretanto como o foco da equipe não era fazer voltas rápidas já que passaram o dia testando os pneus médios, eles terminaram o dia na sexta colocação com Valtteri Bottas e décimo primeiro com Lewis Hamilton.

Brendon Hartley que assumiu hoje o comando do STR13, cravou o sétimo melhor tempo e completou um total de 156 voltas, mostrando assim que a melhora da confiabilidade do motor Honda é real. Logo atrás tivemos Esteban Ocon da Force India e Charles Leclerc da Sauber. 

E pela terceira vez nesta semana Lance Stroll terminou o dia com o pior tempo do dia, enquanto seu novo companheiro de equipe, Sergey Sirotkin terminou com o décimo tempo. 

As equipes agora que só voltarão colocar seus carros na pista no próximo dia 25 de março na Austrália, na primeira corrida da temporada de 2018. 






Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário