Rosberg da o troco em Hamilton e vence em Melbourne, Alonso sofre acidente assustador !

Simplesmente o GP da Austrália mostrou o quanto a Mercedes está à frente de seus rivais, mesmo a Ferrari tendo ficado na liderança por algum tempo, mas no final o resultado era eminente ou seria Hamilton ou seria Rosberg a receber a bandeirada em primeiro. Como Nico Rosberg acabou não perdendo tantas posições na largada ele era de certa forma o único capaz de vencer a corrida e foi no que deu ele acabou terminando a corrida com 8s de diferença para Lewis Hamilton que fechou a primeira de muitas outras dobradinha que a Mercedes deverá ter nesta temporada. 


A Ferrari por sua vez mostrou ser mais rápida na corrida do que na classificação e por muitas voltas permaneceram com Vettel e Raikkonen em P1 e P2, porém devido a um acidente extremamente forte entre Alonso e Gutierrez na volta 18 acabou custando caro para a equipe de Maranello que ainda poderia ter uma chance de vencer a corrida com Vettel já que Raikkonen serviria como o escudeiro do alemão, porém após a paralisação da corrida, muitos pilotos trocaram seus pneus, enquanto Vettel e Raikkonen permaneceram com os pneus super macios, diferente da dupla da Mercedes que tinha Rosberg com os macios e Hamilton que já mostrava que a sua estratégia de paradas terminaria ali já que ele utilizaria os pneus médios para ir até o final da corrida.
Após alguns minutos a corrida começou e ai a situação da Ferrari piorou mais ainda, isso porque Raikkonen na volta 24 teve um problema no turbo compressor do SF16-H que acabou pegando fogo no pit lane e fez com que o finlandês abandonasse a prova que até o momento estava muito boa para a dupla da Ferrari.
Vettel até tentou abrir uma diferença para Rosberg porém não conseguiu e teve que parar na volta 35 de 57, entregando assim a vitória para o seu compatriota da equipe rival, neste momento Hamilton também aproveitou e foi para o terceiro lugar tendo assim na sua frente apenas a Red Bull de Daniel Ricciardo , e não demorou muito para que ele fizesse a ultrapassagem no dono da casa e assumir o segundo lugar, enquanto Vettel vinha tentando tirar a diferença do inglês pois ele havia colocado os pneus macios para ir até o fim.
Hamilton acabou cometendo um erro na volta 51 e fez com que Vettel colasse nele e ameaçasse o seu segundo lugar, mas o alemão não aguentou e acabou cometendo também um erro bem grotesco nos momentos finais, acabou saindo para fora da pista e assim deu chance de Hamilton abrir uma vantagem confortante e garantisse a dobradinha da equipe Mercedes. Com isso a temporada começa da mesma forma que terminou com Rosberg vencendo, Hamilton logo atrás e Vettel sendo o único a poder desafiar a dupla da Mercedes.
Daniel Ricciardo que correria em casa fez uma boa corrida e conseguiu garantir alguns pontos muito importante para a Red Bull, porém ele terminou a corrida a 24s do primeiro colocado. Para a Red Bull foi um ótimo resultado já que no momento da largada o carro de Daniil Kvyat deu um problema e acabou tendo que abandonar a corrida sem mesmo completar uma volta na corrida.
O brasileiro Felipe Massa que foi bem arrojado nas primeiras  conseguiu garantir a quinta colocação.
Romain Grosjean ocupando a sexta posição. (Credits: XPB)
A surpresa da corrida ficou por parte da equipe estreante da F1, a Haas F1Team, que mesmo tendo terminado com apenas um carro ainda assim conseguiu um grande resultado na sua corrida de estreia, Romain Grosjean além de conseguir este ótimo sexto lugar com o VF16, entrará para a história da equipe norte-americana por ser o primeiro piloto a conquistar pontos com um carro da Haas F1Team. A estratégia dele também foi surpreendente boa, pois a única troca de pneus que ele fez foi sob a bandeira vermelha, o que siginifica que ele foi o único piloto a não fazer um pit stop durante a corrida.
Hulkenberg conseguiu terminar na sétima colocação garantindo alguns pontos para a Force India, porém diferente do que era esperado por eles na pré-temporada , a equipe indiana não está tão forte assim, porém devemos esperar mais algumas corridas já que eles vão trazer novidades para o VJM09.

Na oitava colocação tivemos o finlandês, Valtteri Bottas que havia largado na décima sexta colocação e conseguiu se recuperar durante a corrida, garantindo assim mais alguns pontos para a Williams.

Nas última duas posições tivemos a dupla da Toro Rosso com Carlos Sainz Jr em nono e Max
Verstappen em décimo, porém mesmo com eles terem terminados no top 10 , nenhum deles ficaram feliz, ambos que também travaram uma pela briga com direito a toque e até pedido no rádio para que o outro deixasse passar, como foi o caso de Verstappen que estava mais rápido que seu companheiro de equipe que vinha na cola da Renault de Palmer que por sinal estava muito mais lento que a dupla da Toro Rosso, mas Sainz conseguiu passar Palmer e logo em seguida foi a vez de Verstappen dai em diante a briga foi intensa até a bandeirada.

A Renault que volta a F1 novamente com uma equipe de fábrica terminou com seus dois carros em décimo primeiro e décimo segundo lugar.

Felipe Nasr que vinha tendo problemas com a sua Sauber, terminou na décima quinta posição logo à frente do estreante Pascal Wehrlein.



Como de costume houve muitos carros que não terminaram a corrida, no total foram 6 carros cada um de uma equipe diferente. Porém o pior abandono foi de Alonso e Gutierrez que se envolveram em um acidente assustador, tudo começou quando o espanhol vinha em alta velocidade para fazer a ultrapassagem em Gutierrez na freada da segunda curva onde os carros geralmente chegam a atingir a velocidade de 300km/h , como o piloto mexicano estava pelo meio da pista acabou com a chance de Alonso conseguir colocar o MP4-31 na parte de dentro da curva, dessa maneira o espanhol acabou calculando quando puxou o carro para a parte de fora da pista e foi neste exato momento que Gutierrez acabou freando e Alonso acabou acertado com a traseira do VF16 com a roda dianteira e dai em diante com as suspensões quebradas o MP4-31 quando bateu nas britas acabou levantando voou e girando no ar, o que fez com que todos ficassem assustados, porém Alonso fez questão de sair rápido do carro e mostrar que estava bem, Gutierrez por sua vez quando se deu conta também desceu do seu carro e foi logo prestar ajuda ao Alonso que acabou perdendo a chance de marcar os primeiros pontos da Mclaren neste campeonato.



A próxima corrida acontecerá no Bahrein e terá como novidade a volta do antigo sistema de classificação.

Resultado do GP da Austrália:



]


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário