Raikkonen lidera último dia de testes e Mercedes faz 11 GPs


E neste quarto e último dia da primeira sessão de testes da pré-temporada da F1 não foi muito diferente dos três primeiros, pois novamente a Ferrari ficou a frente da Mercedes. Kimi Raikkonen que ontem ficou com o terceiro melhor tempo, hoje foi para a pista apenas na parte da manhã onde completou 79 voltas e coletou dados aerodinâmicos para a equipe, porém antes de guardar o SF16-H ele utilizou os pneus ultra-macios e cravou o melhor tempo do dia.

Daniil Kvyat que fez o segundo melhor tempo do dia, conseguiu mostrar sem qualquer problema um ótimo ritmo com o RB12, ele que igual Raikkonen também utilizou os pneus ultra-macios porém ainda ficou a quase 1s de diferença do melhor tempo. A surpresa nestes 4 dias foi que o RB12 em nenhum momento apresentou qualquer problema de confiabilidade, o que é algo animador se formos pensar nas últimas duas temporadas em que a Red Bull sofreu com isso.

Na terceira colocação tivemos o espanhol Alfonso Celis que esteve hoje no comando do VJM09 da equipe indiana, o jovem piloto que completou hoje 75 voltas.  

E hoje pelo segundo dia consecutivo quem mostrou um forte desempenho foi Kevin Magnussen que cravou o quarto melhor e foi quem mais completou voltas, tendo feito 153 no total. O RS16 que hoje não apresentou nem problema de confiabilidade o que foi praticamente um milagre, já que nestes últimos dias o carro vinha apresentando panes elétricas.

Na quinta e sexta colocação tivemos Max Verstappen e Felipe Nasr, ambos fecharam o top 3 dos pilotos que mais completaram voltas hoje, o piloto da Toro Rosso completou 110 voltas enquanto o brasileiro da Sauber completou 121 voltas.

A Mercedes que hoje optou novamente por dividir o seu cronograma de testes, colocou Nico Rosberg e Lewis Hamilton para guiarem o W07 com o seu novo bico, o alemão completou 99 voltas enquanto o piloto inglês completou 86 voltas, porém quem levou a melhor foi Rosberg que terminou o dia na sétima posição enquanto Hamilton ficou logo atrás em oitavo. Os pilotos da Mercedes que hoje passaram o dia todo utilizando o pneu médio o que os deixou a mais de 2s atrás do tempo de Kimi Raikkonen, porém mesmo eles sendo mais lentos, a equipe tem que comemorar isso porque com a soma de todas as voltas completadas nestes 4 dias foi o equivalente a 11 GPs, isso é algo que os rivais tem que temer pois além da Mercedes ter um carro rápido eles ainda tem um carro que dificilmente irá deixa-los na mão, assim não dão chances para os rivais os superarem.

Felipe Massa hoje não teve um dia tão bom, porém conseguiu melhorar o ritmo com o FW38, o brasileiro que hoje chegou a completar apenas 54 voltas e ficou a 3s atrás do melhor tempo do dia, se comparado com o seu compatriota, Massa não chegou nem na metade de voltas que Nasr completou hoje.

Nas últimas posições tivemos Esteban Gutierrez que não teve um ritmo muito bom hoje e fechou o dia na décima posição após seu carro ter o deixado na mão. Rio Haryanto que bateu hoje o MRT05 terminou o dia na última colocação com o tempo de 1min28s266.

Fernando Alonso que tinha tudo para ter um dia muito satisfatório acabou passando essa quarta-feira dentro dos boxes, isso por causa do vazamento hidráulico que o MP4-31 teve, Alonso deu apenas 3 voltas na parte da manhã e não marcou tempo. A equipe Mclaren montou uma força-tarefa para tentar consertar o carro do espanhol, porém não tiveram sucesso.




QUARTO DIA DE TESTES EM BARCELONA:


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário