Raikkonen é punido e Mercedes é bicampeã em Sochi pela segunda vez consecutiva


E a história se repetiu como a do ano passado, a Mercedes conquistou pela sua segunda vez consecutiva o campeonato de construtores. 

A chance de não dar certo era miníma, porém foi na corrida que o inesperado aconteceu, Rosberg teve um problema no acelerador de seu carro e acabou abandonado a corrida, assim toda a pressão estava em Hamilton que já havia assumido a liderança da corrida momentos antes de seu companheiro abandonar, o piloto inglês fez o seu papel de vencer a corrida, mas sabia que só seu resultado não adiantaria para que a sua equipe fosse campeã em Sochi, já que Sebastian Vettel estava na segunda colocação e Raikkonen em quarto lugar. Mas foi ele, o "Ice Man" que ajudou a Mercedes a repetir o feito de 2014, na última volta o finlandês que vinha disputando posição com seu compatriota da Williams, acabou indo com muita sede ao pote e causou um acidente , onde Valtteri Bottas sem culpa alguma teve que dar adeus ao seu lugar no pódio. 

Mas a FIA não deixou barato o que Kimi Raikkonen fez e no meio da tarde eles comunicaram que o piloto da Ferrari iria receber uma penalização de 30 segundos, fazendo com que ele caísse da 5ª colocação para a 8ª colocação, posição que acabou favorecendo a Mercedes, que garantiu o bicampeonato de construtores em Sochi. Os alemães agora esperam festejar o tricampeonato de Lewis Hamilton que deve vim já no GP de Austin ou no mais tarda no GP do México. 

 

Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário