Raikkonen acredita que as conversas via rádio entre piloto e equipe não deve ser um assunto privado


Como todos sabemos virou um grande tema após o GP do Japão a questão das conversas pelo rádio entre o piloto e a sua equipe, isso porque durante a corrida em Suzuka o espanhol Fernando Alonso que havia feito uma grande largada começou a ser ultrapassado de várias maneiras, porém após ser ultrapassado por fora na primeira curva pelo jovem holandês da Toro Rosso, Max Verstappen, o espanhol soltou os cachorros no rádio da equipe, e se esqueceu que aquela mensagem ("GP2, motor de GP2"), seria passada pelo mundo, dai então o mesmo disse que as conversas de rádio entre piloto e equipe deveriam ser algo privado entre eles, entretanto seu ex companheiro de equipe, Kimi Raikkonen discordou da opinião dizendo que as conversas de rádio ajudam os fãs a compreender o que está acontecendo na corrida.

"Eu acho que não é adequado manter as comunicações de rádio privadas. A uma certa necessidade dos fãs compreender o que está acontecendo na corrida. No decorrer do fim de semana temos diversas reuniões e nós sabemos perfeitamente que as conversas que temos pelo rádio durante a corrida vão ser transmitidas na televisão", afirmou o piloto finlandês.

Vamos lembrar que Raikkonen sabe muito bem desse assunto, ele que em 2012 durante o GP de Abu Dhabi, chamou a atenção de seu engenheiro dizendo "Deixe-me em paz, eu sei o que estou fazendo".


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário