Hamilton vence em Sochi e Mercedes conquista o título de construtores


E hoje Lewis Hamilton deu mais um passo importante rumo ao bicampeonato, isso porque durante a corrida em Sochi o piloto inglês não teve nenhum rival, a não ser na largada onde seu companheiro de equipe Nico Rosberg forçou a ultrapassagem ainda na primeira curva, porém acabou fritando os pneus e passando Hamilton pelo lado de fora da pista onde ele estava fora do limite permitido pela FIA, e assim ele teve que devolver a posição para Hamilton, mas ainda no final da primeira volta Rosberg teve que ir para os boxes por causa dos pneus que ele acabou danificando na freada forte que ele fez na primeira curva após a largada, ele acabou caindo lá para atrás do grid e teve que fazer uma corrida de recuperação enquanto Lewis Hamilton dominava a corrida com total facilidade mas o alemão conseguiu se recuperar na prova com um carro bem mais equilibrado e superior aos dos demais pilotos, Rosberg conseguiu terminar a corrida no mesmo lugar em que largou na segunda posição logo atrás de Lewis Hamilton. O piloto inglês conquistou a sua nona vitória no campeonato e com a dobradinha da Mercedes eles garantiram o título de construtores da equipe, lembrando que eles tinham que fazer apenas 25 pontos há mais que a Red Bull e eles fizeram muito mais do que isso, porém com está conquista da Mercedes é muito provável que Hamilton e Rosberg vão se comportar muito diferente nas próximas corridas pois ambos os pilotos vão fazer de tudo para vencer o campeonato de piloto deste ano.

O primeiro dos mortais foi Valtteri Bottas que passou grande parte da corrida na segunda posição mas teve que se contentar com o terceiro lugar, ele que até tentou perturbar a segunda posição de Rosberg, fazendo no final voltas rápidas, porém o alemão tinha uma certa vantagem sobre ele além de ter um carro muito mais equilibrado.

Na quarta e quinta colocação tivemos as duas Mclaren que andaram muito forte desde o início da corrida, Jenson Button até que tentou ir ao pódio porém a estratégia feita pelo piloto da Mercedes, Nico Rosberg acabou tomando o terceiro lugar de Button após ele ter feito a sua parada, porém foi um ótimo resultado para ele que desde o GP da Inglaterra não conseguia um resultado como este e na quinta posição veio o seu companheiro de equipe, Kevin Magnussen que tinha feito o sexto tempo ontem acabou recebendo uma punição com perda de 5 posição fazendo ele largar na décima primeira posição, mas Kevin Magnussen mostrou o bom ritmo do MP4-29 durante o fim de semana na Rússia e conseguiu se recuperar durante a corrida fazendo assim com que os dois carros da equipe ficassem à frente dos carros da equipe Ferrari eles que agora deveram travar uma batalha pelo quarto lugar caso a equipe Ferrari não tenha uma melhora de performance nas próximas corridas.

Fernando Alonso mais uma vez salvou a Ferrari, com uma largada excepcional pulando de sétima para quarto mas com um carro bem mais limitado do que os dos seus rivais ele acabou terminando a corrida na sexta posição após não ter conseguido segurar as Mclaren, entretanto o sexto lugar também não foi algo fácil para o espanhol conquistar pois nas voltas finais ele recebeu uma pressão bem grande do piloto da Red Bull, Daniel Ricciardo que acabou terminando a corrida na sétima posição.

Sebastian Vettel até que chegou a ficar à frente de Daniel Ricciardo no começo da corrida, mas devido a sua estratégia falha em fazer o primeiro stint mais longo, o alemão acabou perdendo a posição para Ricciardo e teve que se contentar em ficar na oitava posição.

Nas ultimas posições do top 10, tivemos Kimi Raikkonen e Sergio Pérez que terminaram a corrida bem próximos recebendo a pressão do piloto brasileiro Felipe Massa que terminou na décima primeira posição após largar na décima oitava. Entretanto o final foi dramático para o piloto Sergio Pérez pois ele vinha tendo problemas com o consumo excessivo de combustível além de ter a grande pressão de Felipe Massa que tinha um muito mais rápido mas o mexicano soube segurar o brasileiro que tinha feito uma estratégia bem ousada com duas paradas.

Resultado do GP da Rússia:




Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário