Em corrida perfeita, Hamilton vence e assume a liderança do campeonato


Em dia perfeito, Lewis Hamilton venceu sem qualquer dificuldade o GP de Singapura, após ver ainda na volta de apresentação seu companheiro de equipe Nico Rosberg apresentar problemas e ser obrigado a largar do boxes, Hamilton sabia que não teria um rival a sua altura para brigar pela vitória, mas algo que melhorou mais ainda a sua corrida, foi Nico Rosberg não ter conseguido resolver o problema com o seu W05 e acabou tendo que abandonar a corrida após o carro parar de funcionar de vez no pit stop. Na segunda e na terceira posição tivemos os dois carros da Red Bull com Sebastian Vettel superando seu companheiro Daniel Ricciardo que andou nas ultimas voltas bem colado dele e até tinha carro para superar o alemão porém não conseguiu mesmo tendo os pneus em melhores condições.

Na quarta posição e bem pertinho do top 3, tivemos Fernando Alonso, que fez uma corrida incrível e tinha tudo para chegar na segunda colocação se não fosse pelo safetycar que acabou entrando com devido a um toque entre Adrian Sutil e Sergio Pérez, o espanhol aproveitou a entrada do safetycar e foi para os boxes, naquele momento ele era o segundo colocado mas depois caiu para o quarto lugar, mas era esperado que os dois carros da Red Bull fossem parar o que não aconteceu e mesmo tendo um pneu em condições muito melhores do que a da dupla da Red Bull, Alonso não conseguiu supera-los e teve que se contentar em ficar fora do pódio do GP de Singapura.

Outro piloto que levou o carro com os pneus no limite foi Felipe Massa, que não tinha muito o que fazer durante a corrida e que toma está quinto lugar como um grande resultado, já que era o máximo que eles podiam chegar, além disso o brasileiro se viu mais uma vez superando seu companheiro de equipe Valtteri Bottas que levou os pneus ao limite extremo e acabou perdendo várias posições na ultima volta terminando assim na décima primeira posição.

Na sexta posição terminou Jean-Éric Vergne porém com uma punição de 5s por exceder os limites da pista na disputa com Maldonado, acabou caindo para nono lugar, dando o sexto lugar ao piloto mexicano Sergio Pérez, que fez uma corrida de recuperação de dar inveja, após ter perdido seu bico no confronto com Adrian Sutil, o mexicano partiu pro tudo ou nada, com pneus mais novos do que muitos que estavam a sua frente, acabou superando vários pilotos entre o seu companheiro de equipe Hulkenberg que terminou na oitava posição. Entre as duas Force India, tivemos o segundo carro da Ferrari com Kimi Raikkonen, acreditava-se que o finlandês andaria perto de seu companheiro durante a corrida, porém quando foi ultrapassado pelo brasileiro Felipe Massa, o ferrarista mostrava que não teria um ritmo tão forte como era esperado e assim teve que se contentar em ser superado por Pérez na ultima volta e terminar a corrida na modesta sétima posição posição.

E para fechar o top 10, apareceu a Mclaren de Kevin Magnussen que sinal foi o único carro da equipe a terminar a corrida, pois Jenson Button acabou sofrendo um apagão elétrico em seu carro e teve que abandonar a corrida e com este resultado tendo as duas Force India a frente dos carros da Mclaren, eles assumem a quinta posição no campeonato de construtores com 117 pontos contra 111 pontos da equipe Mclaren.


Resultado do GP de Singapura:






*Jean-Éric Vergne +5 segundos - 9º Lugar
Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário