Verstappen vence GP do México e Hamilton é tetracampeão

Lewis Hamilton / Sutton Images

Max Verstappen foi quem venceu o GP do México, após ter perdido ontem (28) a pole position para Sebastian Vettel, hoje (29) o holandês da Red Bull conseguiu superar o alemão da Ferrari nas primeiras curvas após a largada e dai em diante não saiu mais da primeira posição e conquistou a sua terceira vitória na carreira e a segunda nesta temporada empatando assim com Valtteri Bottas da Mercedes que também venceu duas vezes neste ano. Lewis Hamilton que terminou na nona colocação conquistou seu tetracampeonato.

A corrida de Verstappen só foi tranquila porque nas primeira curvas ele, Vettel e Hamilton acabaram se tocando e com isso Vettel e Hamilton que disputavam a liderança da prova caíram para as últimas posições devidos aos danos nos carros. Verstappen e Vettel foram os primeiros a se tocarem com isso Hamilton aproveitou para superar os dois entretanto numa manobra um tanto quanto suspeita o alemão da Ferrari acabou tocando seu bico no pneu traseiro da Mercedes de Hamilton que acabou furando e causando um grande prejuízo para o inglês já que ele precisou ficar bem mais tempo parados nos boxes. 

Com tudo que aconteceu tanto Vettel quanto Hamilton conseguiram se recuperar na corrida e terminarem na zona de pontuação, mas o resultado que era previsto por todos aconteceu, Hamilton conseguiu se tornar tetracampeão no México mesmo cruzando a linha de chegada na nona colocação, mas isso porque Vettel o máximo que poderia fazer era adiar o título do inglês para o GP do Brasil, mas precisaria vencer a corrida porém como precisou fazer uma corrida de recuperação ele acabou terminando na quarta colocação. 

Os pilotos que se juntaram a Verstappen no pódio foram Valtteri Bottas da Mercedes em segundo e Kimi Raikkonen da Ferrari em terceiro, ambos que ficaram longe de ameaçar o piloto da Red Bull durante a corrida toda. 

O quinto lugar ficou com Esteban Ocon da Force India que fez uma excelente corrida e esteve brigando pelo top 3 no início da corrida mas com o passar da corrida não conseguiu segurar as Ferrari, com este resultado Ocon fica apenas 9 pontos atrás de seu companheiro de equipe Sergio Perez na tabela de pontos. O piloto mexicano, Sergio Perez que correu em casa conseguiu terminar na sétima colocação.

Entre as duas Force India, tivemos o aniversariante do dia, Lance Stroll, que conseguiu aproveitar todas as confusões da corrida e terminar na sexta posição enquanto o brasileiro, Felipe Massa, terminou na décima primeira colocação, ele que no inicio da corrida sofreu com um furo no pneu e acabou tendo que ir para o pit stop trocar os pneus, porém ele acabou colocando o composto mais duro do fim de semana que era o pneu macio e foi até o fim da corrida com eles. 

Kevin Magnussen da Haas terminou numa grande oitava colocação, isso porque ele precisou segurar Hamilton e Alonso que terminaram logo atrás. 

Sem muitas expectativas para este fim de semana a Mclaren viu um de seus carros terminar a corrida na décima colocação e ainda ter uma bela briga com uma Mercedes, e foi isso que Fernando Alonso fez neste domingo após largar na parte de trás do grid, mesmo tendo um carro com o pior motor do grid conseguiu tirar aproveito de alguns abandonos e fazer algumas ultrapassagens duras como foi o caso no Grosjean que ambos chegaram a se tocar e o francês levou a pior perdendo algumas partes do carro, o espanhol também segurou por algumas voltas o tetracampeão Sebastian Vettel. Mas a briga que realmente fez os olhos brilharem dos torcedores foi quando Hamilton chegou em Alonso mas diferente de Vettel que acabou passando o espanhol de maneira mais tranquila, o inglês da Mercedes dividiu curva com o piloto da Mclaren que vendeu muito caro a posição, mas tendo um motor bem inferior ao da Mercedes, Alonso não conseguiu dar o troco em Hamilton. 

Durante a corrida 5 pilotos abandonaram a prova ambos com problemas no motor, porém o que chamou a atenção foi que dos 5 pilotos, 4 deles tinham motores Renault em seus carros sendo Ricciardo (Red Bull Racing), Hulkenberg (Renault SportF1) , Hartley (Toro Rosso) e Sainz (Renault Sport F1). 



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário