Raikkonen lidera primeira treino livre na Bélgica e Massa sofre acidente


Kimi Raikkonen que nos últimos dias renovou seu contrato com a Ferrari para mais uma temporada, começou o fim de semana na Bélgica com o pé direito isso porque ele desbancou o líder e o vice-líder do campeonato ao cravar o melhor tempo da primeira sessão de treinos livres. 

O vice-líder do campeonato Lewis Hamilton terminou a sessão com o segundo melhor tempo à 0,053s atrás do finlandês da Ferrari, o inglês que diferente da dupla da Ferrari, não utilizou os compostos ultra-macios, enquanto o líder do campeonato, Sebastian Vettel ficou com o terceiro melhor tempo à 0,145s.

Max Verstappen e Daniel Ricciardo da Red Bull ficaram com o quarto e quinto tempo da sessão, ambos que utilizaram apenas o compostos ultra-macio. 

O sexto melhor tempo da sessão ficou com Valtteri Bottas que acabou batendo na Fagnes no meio do treino, porém como a batida não foi tão forte, ele teve apenas a sua asa dianteira danificada. 

O melhor do resto foi Carlos Sainz Jr que cravou o sétimo melhor tempo logo á frente de Esteban Ocon da Force India e de seu companheiro na Toro Rosso Daniil Kvyat. 

A surpresa da sessão literalmente foi o piloto da 'casa', o belga da Mclaren, Stoffel Vandoorne, que mesmo numa pista onde exigi muita potência do motor, ele conseguiu terminar a sessão na décima colocação enquanto Fernando Alonso ficou com o décimo terceiro, o espanhol que teve no inicio da sessão problema com o motor e com o DRS. 

O brasileiro Felipe Massa, acabou tendo que abandonar a sessão ainda no início, após sair da pista na subida para a Les Combes e acabar batendo na barreira de pneus e com o carro todo danificado, Massa não conseguiu marcar tempo. 

A sessão também foi marcada pelos novos testes com o 'Halo' desta vez os pilotos que utilizaram foram Lewis Hamilton, Stoffel Vandoorne e Marcus Ericsson.




Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário