Vergne afirma que a Red Bull lhe prometeu vaga em 2015


O piloto francês, Jean-Éric Vergne que atualmente corre no campeonato da Formula E pela equipe Techeetah e na FIA WEC na classe LMP2 pela equipe Manor, revelou que a equipe Red Bull ainda durante o verão de 2014 disse que ele iria assumir o lugar de Sebastian Vettel na temporada de 2015 da F1 e que ele por sua vez perderia a vaga na Toro Rosso para Max Verstappen, porém a história não terminou como o Vergne esperava.

"Durante o verão recebi uma chamada da Red Bull dizendo que iriam colocar Max no carro. Naquele momento eu entendi completamente. Foi como, 'Ok', a Toro Rosso é uma espécie de escola para os jovens pilotos da Red Bull, mas não havia lugar para ir para a Red Bull, da parte deles foi amigável me avisarem tão cedo. Mas durante a chamada eu perguntei: 'E se Vettel for?' Eles disseram: 'Você estará no carro.' "-  disse o francês ao site Crash.net.

"Havia tido uma boa temporada até aquele momento. A equipe sabia do déficit que tinha em comparação com Kvyat no carro devido ao peso. Porém mas tarde, quando Vettel saiu, eu havia feito boas corridas, mas quando me dei conta, pela forma que eles disseram, sabia que dificilmente eles pensariam em mim. Foi uma situação frustrante. Então em seguida toda a equipe da Toro Rosso queriam me manter ao lado de Max, porém o final, foi o mesmo. Eles não me queriam " - concluiu.

Vergne que após perder a vaga de titular na Toro Rosso em 2014, acabou deixando a estrutura da Red Bull e se tornou no ano seguinte piloto reserva da Scuderia Ferrari, por onde exerceu a atividade até a temporada passada. 
Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário