Kubica testa carro da Formula E em Donington Park


E o ex-piloto de F1, Robert Kubica voltou a guiar pela segunda vez neste ano um monoposto e desta vez foi o carro da Formula E. O polonês que testou o bólido elétrico nesta última terça-feira (2) em Donington Park, com isso Kubica mostra que está afim de avaliar sua performance para poder tomar a decisão de voltar a correr com monopostos.

E caso o polonês chegar a conclusão que ele pode guiar um Formula E de maneira competitiva, ele pode fazer sua estreia na categoria no ePrix de Nova York onde pelo menos 2 equipes terão vagas, como é o caso da DS Virgin e da Renault e.dams, já que seus pilotos José Maria Lopez, Sam Bird e Sebastien Buemi estarão disputando a etapa da Nurburgring da WEC .

A equipe de Alex Tai, DS Virgin, é a equipe mais provável para Kubica, mesmo o chefe da equipe dizendo durante o ePrix do México que gostaria de contar com pilotos que tenha a mesma experiência de Bird e Lopez na Formula E.

"Nós gostaríamos de alguém que já tenha guiado um carro de Formula E, obviamente, pois como já vimos até piloto experientes lutaram no passado para se adaptar a este carro" - disse Tai .

"A decisão para escolha dos pilotos é tomada por mim, porém só depois de uma consulta detalhada com Xavier (diretor de desempenho da DS) e Chris Gorne, nosso engenheiro" - declarou.
Entretanto vamos lembrar que Kubica ainda mantém um bom relacionamento com o Grupo PSA, empresa proprietária da marca DS e da sua irmã Citroen, onde o mesmo disputou no último ano o Mundial de Rali. 

A DS Virgin deverá anunciar em breve, o piloto reserva, Alex Lynn para assumir uma das vagas para o ePrix de Nova York com isso haverá apenas duas vagas que será uma na própria DS Virgin e uma na Renault e.dams, porém a última opção dificilmente deverá contar com Kubica já que eles visam em Nova York fazer com que os concorrentes de Buemi não façam muitos pontos, com isso vão precisar de contar com um piloto que tenha experiência na categoria.

Kubica que deveria já ter feito uma corrida neste ano pela ByKolles na LMP1 da WEC porém na vésperas da primeira etapa que seria realizada em Silverstone o polonês acabou deixando a equipe, o motivo pelo qual todos ainda desconhecem, já que ele nos testes feito no Bahrain foi bem mais rápido do que os pilotos que já estavam familiarizados com o equipamento.

Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário