Honda não tem certeza que atualizações para o GP do Canadá estarão prontas

Glenn Dunbar / LAT Images


O chefe da Honda, Yusuke Hasegawa, afirmou que não tem certeza que eles vão conseguir lançar o grande pacote de atualizações do motor para o GP do Canadá que será realizado no próximo mês.

A Honda vem trabalhando duro para tentar reduzir a diferença para os motores Mercedes e Ferrari, porém estão tendo uma grande dificuldade  para fazer com a tecnologia hibridá do motor trabalhe perfeitamente em conjunto com a tecnologia de combustão.

E com tamanha dificuldade a Honda resolveu buscar ajuda exterior e contrataram a Ilmor para tentarem resolver os atuais problemas no motor e também para acelerarem o projeto, entretanto esperava-se ver frutos dessa parceria para o GP do Canadá, porém segundo Hasegawa a primeira atualização significativa para o desempenho do motor nesta temporada deverá ser adiada.


"Obviamente, o Canadá é um circuito que exige potência, e gostaríamos de estar lá com o novo motor. Mas ainda não tenha certeza se vamos conseguir" -
afirmou.

Os japoneses até o momento apenas alteraram o mapa dos motores e fizeram alguns ajustes visando a confiabilidade nesta temporada, além também de introduzirem atualizações no sistema de indução e combustível para Barcelona  e que segundo a própria Honda quase eliminou os problemas de condução que prejudicaram a Mclaren nas primeiras 4 corridas desta temporada.

"Aqui para Barcelona o motor é o mesmo, mas os sistemas de indução e combustível foram atualizados. A atualização foi de um nível decente, mas como a lacuna que temos hoje para as equipes do topo, não podemos ficar muito orgulhosos " - acrescentou Hasegawa.
Hasegawa também falou sobre o problema mecânico com o sistema de óleo que ocorreu na sexta-feira fazendo Alonso ficar de fora da primeira sessão de treinos livres, e está confiante de que este problema não se repetira na corrida, onde Alonso vai largar na sétima colocação.

"Analisando os dados vimos que a partir do momento em que perdemos óleo e a pressão do mesmo caiu o motor ainda continuou funcionando, então o motor estava 'OK', porém uma vez que a pressão do óleo caiu o motor acabou quebrando logo em seguida".

"Nós estamos analisando e provavelmente o problema do óleo, aconteceu por causa de algum problema em sua alimentação" - concluiu.


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário