Ross Brawn retorna à Fórmula 1 como diretor executivo esportivo


Ross Brawn que está fora da Fórmula 1 desde 2013, irá retornar a categoria neste ano porém com um papel do alto escalão oferecido pelo novo proprietário da categoria a Liberty Media. Brawn que foi nomeado como diretor executivo esportivo da Formula 1, ele que junto de Sean Bratches, nomeado para assumir o papel de diretor gerente de operações comerciais  fazem parte da reestruturação que a Liberty Media que promover na categoria. .

Ross Brawn que tem em seu currículo nada mais nada menos que 19 títulos mundiais da F1 com Williams, Benetton, Ferrari e o mais significativo com a BrawnGP em 2009, e em 2013 acabou deixando a categoria.

"É fantástico estar voltando ao circo da Fórmula 1. Eu gostei de atuar como consultor da Liberty Media nos últimos meses e estou muito ansioso para trabalhar com Chase, Sean e o restante da equipe de Fórmula 1 para poder ajudar na evolução da categoria."

"Temos uma oportunidade quase sem precedentes para trabalhar em conjunto com as equipes e promotores para uma F1 melhor tanto para eles quanto para os fãs".
Chase Carey, sucessor de Ecclestone na F1 disse algumas palavras sobre Ross Brawn e Sean Bratches:

"Estou muito feliz em receber Ross de volta à Fórmula 1. Em seus 40 anos no esporte, ele trouxe seu toque mágico para cada equipe com a qual ele trabalhou, além de ter um incomparável conhecimento técnico, experiência e relacionamentos, e eu já me beneficiei muito de seus conselhos e experiência ".

"Estou emocionado por Sean está se juntando à Fórmula 1. Sean foi uma força motriz na construção da ESPN em uma das principais franquias esportivos do mundo. Sua experiência e experiência em vendas, marketing, mídia digital e distribuição serão inestimável à medida que vamos crescer a Fórmula 1".

"Estou ansioso para trabalhar com Ross e Sean,  além dos importantes executivos atuais, Duncan Llowarch, nosso CFO , Sacha Woodward Hill, nosso conselheiro geral, a FIA, Bernie e Liberty. Estaremos todos trabalhando juntos para fazer uma Fórmula 1 melhor para as equipes, promotores e fãs nos próximos anos", concluiu. 


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário