Verstappen compara sua atitude com a de Hamilton e afirma: "Hamilton ganhou vantagem, eu não !"



Max Verstappen afirmou que sua punição foi algo 'ridículo' e ilógico, uma vez que outros pilotos também saíram da pista e ganharam uma vantagem, porém apenas ele foi penalizado, o que mostra uma incoerência por parte da FIA na avaliação de algumas ações de certos pilotos.

O holandês que lutou com Vettel nas últimas voltas pelo terceiro lugar, porém em um dos ataques do alemão, ele acabou tendo que cortar a curva 2 após perder a frenagem e com isso a direção de prova entendeu que ele teve vantagem com isso, assim deram uma penalização de 5s para para Verstappen que ao fim da prova acabou caindo de terceiro para quinto lugar.
.
"O que aconteceu foi muito parecido com que havia acontecido na primeira volta. Lewis quando saiu ganhou claramente vantagem. Nico também ganhou vantagem quando acabamos nos tocando. Eu não ganhei em momento algum vantagem com aquilo, quando voltei para a pista mantive a mesma distância de Vettel. E para mim essa penalização é ridícula ", disse holandês.

“Se (comissários de prova) não os penalizaram (Hamilton e Nico), também não deveriam ter me penalizado.”,acrescentou.

Verstappen também criticou a postura do tetracampeão,que ficou gritando no rádio e até chegou a xingar Charlie Whiting.

"Eu não sei quantas vezes ele ficou gritando e usando uma linguagem de baixo calão pelo rádio. Ele deveria voltar à escola e aprender bons modos. Falarei com ele. Está sempre frustrado, passou esse fim de semana inteiro gritando pelo rádio", disparou Verstappen;
Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário