Com final eletrizante Hamilton supera Rosberg e vence GP da Áustria, Button chega em sexto e Wehrlein terminar nos pontos


Se até o momento a corrida mais emocionante do ano tinha sido a do GP da Espanha quando as duas Mercedes abandonaram a corrida na primeira, o GP da Áustria que aconteceu hoje pode assumir esse posto, isso porque muitas surpresas aconteceram deste o começo e no final não tinha como não ser diferente, na última volta Hamilton foi para cima de Rosberg, mas o alemão não vendeu a posição a barato e assim ambos se tocaram devido um manobra de Rosberg , porém a justiça prevaleceu e quem se deu mal foi o alemão que ficou com a sua dianteira danificada e viu Hamilton garantir a vitória, além é claro de perder posições para Verstappen e Raikkonen, com isso a vantagem no campeonato entre ele e Hamilton agora é de apenas 11 pontos o que da ao inglês a chance de assumir a liderança do campeonato já no próximo GP que será em Silverstone, claro isso se Rosberg chegar na quarta posição para trás.

Lewis Hamilton pela primeira vez no ano conseguiu largar na pole position e manter a primeira posição até o volta 22 quando parou nos boxes e perdeu a posição para Nico Rosberg que dai em diante permaneceu na frente do inglês até a curva 2 da última volta quando Hamilton se viu a sua melhor chance para sair colado no alemão e assumir a ponta antes da curva 3, porém ele colocou seu carro do lado de fora e Rosberg que vinha pelo lado de dentro deixou o seu carro espalhar propositalmente assim quando o inglês virou o carro acabou tocando no carro do alemão e ambos se danificaram mas o Mercedes número 6 acabou levando a pior pois praticamente perdeu a asa dianteira assim perdeu a chance de chegar no pódio e também o mais importante a equipe conquistar uma dobradinha.

Os comissários entenderam que Nico Rosberg foi o culpado e lhe aplicaram mais de 10s no final da prova porém ainda permaneceu na quarta posição já que Daniel Ricciardo que era o quinto estava a 14 atrás.

Max Verstappen novamente mostrou o seu talento e fez várias ultrapassagens e até andou em primeiro lugar por algumas voltas além de ter tido grandes duelos na pista e no fim por pouco a vitória não caiu em seu colo quase repetindo o feito do GP da Espanha. Kimi Raikkonen que chegou logo atrás do jovem piloto da Red Bull conseguiu salvar o fim de semana da equipe, já que Sebastian Vettel acabou vendo o seu pneu traseiro direto estourando no meio da reta e acabou batendo o carro e abandonando a corrida assim a equipe de Maranello viu Raikkonen fazer uma de suas melhores corridas nesta atual temporada e garantindo um lugar no pódio.

Em quinto lugar tivemos Daniel Ricciardo que fez uma boa corrida também porém na parte final acabou parando nos boxes para colocar os pneus ultra-macio com isso teve que se contentar em terminar no top 5.

A Mclaren teve muito que comemorar neste fim de semana isso porque tanto no sábado quanto no domingo Jenson Button deu um show pilotagem e mostrou que o que lhe falta para brigar pelo título é um carro competitivo, o inglês que graças as punições de grid de Vettel e Rosberg começou a corrida na terceira colocação após marcar o quinto melhor tempo no treino classificatório, com isso era esperado que ele com um carro menos potente fosse ultrapassado já na largada, mas não foi o que aconteceu, Button na largada pulou para a segunda colocação ultrapassando Hulkenberg e ali ficou por mais algumas voltas até que Raikkonen, Rosberg, e a dupla da Red Bull o ultrapassagem, porém com uma estratégia certeira e com o acidente de Vettel na volta 26 a situação melhorou para o inglês que conseguiu terminar a corrida numa ótima sexta colocação, resultado que não era de maneira alguma esperado pela equipe neste circuito.

Quem também parece aliviado por voltar aos pontos foi Romain Grosjean com a novata equipe Haas, eles que não pontuavam desde o GP da Rússia, mas com a boa estratégia e um bom ritmo durante a corrida o francês conseguiu novamente levar a equipe norte-americana a zona de pontuação e por pouco seu companheiro de equipe Esteban Gutierrez também não conseguiu alguns pontos.

A Toro Rosso que não teve um sábado muito quando viu seus dois carros terem problemas durante o treino classificatório, conseguiram chegar na oitava colocação com Carlos Sainz Jr que foi último piloto a estar na mesma volta do líder, seu companheiro de equipe Daniil Kvyat novamente teve problema com o carro e acabou dando apenas uma volta antes de abandonar a corrida.

Valtteri Bottas por sua vez garantiu 2 pontinhos para a equipe Williams, o que foi muito bom já que eles pareciam não ter tanto ritmo durante a corrida, o brasileiro Felipe Massa teve que abandonar a corrida no final e pela segunda vez no ano ficou fora dos pontos.

A verdadeira festa foi da equipe Manor que viu o seu piloto Pascal Wehrlein chegar na décima colocação graças ao problema que Perez teve na última volta e acabou batendo o carro, assim o piloto alemão herdou a décima posição e conquistou o primeiro ponto da equipe na temporada, algo que só havia acontecido na temporada de 2014 em Mônaco quando o Jules Bianchi também havia chegado na décima colocação. Esse resultado da Manor serviu para colocar ainda mais pressão na equipe Sauber que agora sem nenhum ponto ocupa o último lugar na tabela de construtores.

O brasileiro Felipe Nasr da Sauber que havia largado em último até que tentou conseguir alguns pontos mas com o carro que tem em mãos e devido ao safetycar a situação para ele conseguir esses pontos seria só na base do milagre mesmo, ele até havia estendido o primeiro stint com os pneus macios, ficando 43 voltas, devido a isso ele chegou a andar na sétima colocação, porém quando o safety car entrou e o pelotão se juntou novamente ele acabou perdendo a vantagem que tinha para alguns pilotos e assim fez o seu pit stop mas acabou caindo para a última colocação novamente e teve que fazer pela segunda vez uma corrida de recuperação e conseguiu terminar a corrida na décima terceira colocação enquanto seu companheiro de equipe Marcus Ericsson chegou em décimo quinto lugar.

O próximo GP ocorrerá em Silverstone já no próximo fim de semana.



Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário