Horner elogia atitude da Mercedes em deixar seus pilotos liberados para disputar entre si



Christian Horner, chefe da equipe Red Bull, está em pleno acordo com a filosofia da Mercedes que é a liberdade para que seus dois pilotos lutem entre si pelo campeonato mesmo que isso significa ás vezes ganhar e outras perder, como por exemplo o GP da Espanha onde os dois carros da Mercedes ficaram de fora da corrida após um acidente na primeira volta.
"Hamilton e Rosberg estão competindo pelo campeonato mundial. Não é nada ruim, se tratando de dois pilotos que estão lutando pelo campeonato mundial e que nenhum deles irá ceder um centímetro que for."

"Eu duvido que na pista eles estão pensando no fato de serem companheiro de equipe, os dois querem ganhar. A não ser que condenem um deles a ser o segundo piloto, é preciso deixar eles disputarem"

Horner por sua vez também falou sobre a largada do GP do Canadá, para ele não houve nada de problemático na largada de Hamilton o único problema foi que Ricciardo teve que desviar de Rosberg.

"Ao meu ver não houve nada questionável na largada de Lewis, o único problema é que eles (Rosberg e Hamilton) acabaram ficando no caminho de Ricciardo na saída da segunda curva, ele por sua vez se saiu muito bem ao evitar um toque com Nico", concluiu o dirigente.


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário