Hamilton é atingido por Bottas na primeira curva e Rosberg vence de ponta a ponta o GP do Bahrain !


O GP do Bahrain foi mais uma vez um palco de várias surpresas e confusões, porém o resultado final teve uma Mercedes ganhando novamente. A dupla da Mercedes teve mais uma corrida distinta para ambos os lados isso porque Nico Rosberg que na largada assumiu a ponta da corrida foi de cara para o vento até a bandeirada, Lewis Hamilton por sua vez não teve uma largada e para piorar ainda mais a situação na primeira curva após a largada Valtteri Bottas da Williams tocou nele, fazendo assim com que o inglês caísse da segunda colocação para a sétima colocação, porém devido a isso ele teve que fazer uma corrida de recuperação mas como dessa vez não houve safetycar para aproximar todos, Hamilton teve que se contentar com o terceiro lugar atrás de Kimi Raikkonen da Ferrari.

A Ferrari hoje tinha praticamente nas mãos a chance de chegar com seus dois carros pódio, isso porque como sabemos Sebastian Vettel faz grandes largadas e era esperado que o feito que ele fez na austrália acontece novamente entretanto um problema no motor ainda na volta de apresentação acabou o tirando da corrida, o que deixou também a corrida bem sem graça já que com o ritmo que Raikkonen mostrou hoje na corrida foi muito bom o que nós leva a cogitar que se Vettel não tivesse tido problema teríamos uma grande batalha entre Rosberg e Vettel. Porém mesmo assim a Ferrari teve um bom resultado com Raikkonen que terminou a corrida em segundo lugar a 10s de Rosberg, mostrando assim que o ritmo de corrida da Ferrari não está tão longe do ritmo da Mercedes, ambos que tiveram a mesma estratégia.


Daniel Ricciardo após conseguir ontem se classificar na quinta posição hoje com a falha de Vettel ele conseguiu subir uma posição, terminando assim a corrida em quarto lugar, porém não foi tão fácil assim já que ele por várias vezes disputou posição com as Williams.

Na quinta colocação tivemos uma das surpresas dessa magnifica corrida, Romain Grosjean que havia chegado no GP da Austrália na sexta posição, conseguiu hoje terminar numa incrível quinta colocação, o resultado da Haas só não foi melhor porque Esteban Gutierrez não conseguiu terminar a corrida devido a um problema no carro, porém quando ele abandonou ele estava andando entre os 10 primeiros.

Max Verstappen da Toro Rosso terminou a corrida na sexta posição e foi o último piloto a não tomar volta do líder já que da sétima colocação em diante todos tomaram volta, logo atrás tivemos Daniil Kvyat que nas voltas finais fez pressão no brasileiro Felipe Massa e assumiu a sétima colocação.

A dupla da Williams, teve um começo animador de corrida, mesmo com o problema que Bottas teve com Hamilton na primeira curva, pois Felipe Massa conseguiu fazer uma largada épica e assumir a segunda colocação ainda na primeira volta porém devido a sua estratégia o jogo virou e ele acabou ficando na oitava colocação, a estratégia de Massa acabou não dando certo pois ele queria fazer apenas duas paradas então precisou de usar o pneu médio em dois trechos enquanto praticamente os seus rivais preferiram ter 3 paradas para poder utilizar os pneus macios e super macios, Massa chegou nas voltas finais a estar na quinta colocação porém como Grosjean , Verstappen e Kvyat estavam com pneus mais rápido e ele já tinha um pneu médio bem desgastado ele acabou perdendo as posição sem poder fazer qualquer coisa. Valtteri Bottas que acabou sendo penalizado com um drive-through por colidir com Hamilton conseguiu mesmo assim terminar na nona posição obtendo mais alguns pontos preciosos para a sua equipe.

O substituto de Fernando Alonso, Stoffel Vandoorne foi brilhante e conquistou o primeiro ponto da equipe Mclaren nesta temporada, assim também mostrou que tem competência para assumir uma vaga de titular na equipe em 2017.

Outro que também mostrou um bom rendimento foi Pascal Wehrlein da Manor que chegou na décima terceira colocação após disputar posições com as Force India e Sauber.

Felipe Nasr da Sauber chegou na décima quarta posição enquanto seu companheiro de equipe Marcus Ericsson terminou na décima segunda posição.

A próxima etapa da F1 ocorrerá daqui duas semanas na China.


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário