Halo de proteção é testado no carro da Ferrari


E nesta quinta-feira o mundo da F1 olhou diferente para o SF16-H da Ferrari, isso porque hoje a equipe italiana testou em seu carro o "Halo" de proteção da cabeça do piloto, Kimi Raikkonen que pilotou o carro disse que a visibilidade estava boa.

O acessório que deve estar nos carros de 2017, foi desenvolvido pela Mercedes em parceria com a FIA e foi o que mais deixou os dirigentes felizes. A FIA vem fazendo vários testes no protótipo para garantir a segurança, eles que estão utilizando um aeroporto no sul da Inglaterra para realizar esses testes onde eles  atiram projéteis em alta velocidade contra a o 'Halo'.

"Nós tentamos acelerar este projeto nos últimos 12 meses com o objetivo de ter algo que possamos aplicar praticamente nos carros de 2017", afirmou o diretor de segurança da FIA, Laurent Mekies.

"Este último teste foi realizado com esse intuito, de tentar conseguir algo que poderia nos permitir dizer que demos um passa para frente " completou.

A Ferrari informou também após o teste com o Halo que o componente não seria usado hoje novamente.

A FIA mesmo com este teste, ainda deixou as portas abertas para outras soluções possíveis, apesar do 'Halo' ter sido declarado como a opção preferencial.


A Red Bull por sua vez irá testar sua própria solução para proteger o piloto no final deste mês. Entretanto ainda não foi divulgada nenhuma foto deste conceito da equipe a única coisa que se sabe é que eles estão trabalhando numa espécie de cabine transparente igual as que são utilizadas nos aviões de combate.

"Vamos testar a nossa solução no final de abril, em um evento" disse Christian Horner ao jornal alemão Auto Motor und Sport.

Confira imagens do componente no SF16-H:




Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário