Com acidente de Kvyat no final, Nico Rosberg garante a pole position em Suzuka

XPB Images F1
E a Mercedes voltou novamente ao normal, após ter passado uma semana conturbada devido ao resultado de Singapura, o alemão Nico Rosberg que havia dito que o segundo lugar não o interessava já que ele precisa tirar uma certa vantagem de Hamilton para sonhar ainda com o título conseguiu cravar a pole position, mas vale dizer que foi um pouco na sorte já que seu companheiro durante a volta rápida errou duas vezes e quando vinha pronto para tomar a pole acabou vendo a chance ir por água abaixo quando Kvyat da Red Bull num erro grotesco perto do Hairpin acabou indo parar no guard rail e assim a bandeira vermelha foi acionada acabando com a chance de vários carros que estavam na pista prontos para melhorar seus tempos. O piloto russo largará na 10ª posição já que não marcou nenhum tempo no Q3.

Valtteri Bottas conseguiu cravar o 3º lugar seguido de Sebastian Vettel(4º) que não mostrou um ritmo forte para bater de frente com as Mercedes e volta a ter os pés nos chão que este fim de semana será como os outros brigar para estar no top 3. Felipe Massa cravou o 5º lugar seguido de Raikkonen (6º) e Ricciardo(7º).

Romain Grosjean conseguiu colocar a Lotus na 8ª posição logo à frente de Sergio Perez que também fez um bom treino e largará na 9ª colocação amanhã.

Na 11ª posição tivemos Nico Hulkenberg que deverá perder 3 posição no grid de amanhã por causa d incidente com Felipe Massa na semana passada em Singapura, sendo assim o seu lugar original na largada será a 14ª posição.

Carlos Sainz Jr cravou o 12º lugar o que foi uma surpresa pois todos esperavam que ele estivesse entre os 10 primeiros o que não ocorreu, logo atrás tivemos Pastor Maldonado na 13ª posição seguido de Fernando Alonso que também era esperado ver brigando para entrar no Q3, mas nem na casa da Honda a Mclaren conseguiu colocar um de seus carros no Q3.

Quem saiu muito irritado da sessão classificatória foi Max Verstappen, que chegou a se classificar para o Q2 porém durante o Q1 o piloto holandês ficou atravessado com a sua STR no meio da pista no Hairpin, e devido a este problema ele foi impedido de ir para o Q2 e tentar brigar por algo melhor.

Jenson Button só não passou para o Q2 e deixou que seu companheiro amargasse ficar no Q1 porque quando ele vinha na sua volta rápida que lhe garantiria tirar Alonso, houve a bandeira amarela por causa de Verstappen, que acabou prejudicando o britânico que teve que se contentar a 16ª posição, além disso a bandeira amarela prejudicou também o brasileiro Felipe Nasr que vinha com pneu novo para garantir um lugar no Q2, só que também teve que se contentar com a 18ª posição logo atrás de Marcus Ericsson que fez o 17º tempo.

Na briga particular pelas duas últimas posições Will Stevens levou a melhor sobre o seu companheiro Alexander Rossi estreante na temporada.

Resultado da Classificação para o GP do Japão:


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário