Patrick Tambay acusa FIA de fugir das responsabilidades do acidente de Bianchi


Patrick Tambay ex-piloto de F1, acusou a FIA de fugir das responsabilidades no relatório sobre as causas do acidente do piloto Jules Binachi no GP do Japão. Isso porque no relatório a FIA acusou Bianchi de não ter diminuído  a velocidade a ponto de conseguir evitar a colisão com o trator, o qual estava retirando a Sauber C33 de Adrian Sutil da área de escape, e devido a colisão o piloto francês acabou tendo uma lesão axonal difusa.
“É lamentável este relatório acusar o piloto, é um julgamento para exonerar responsabilidades, mas penso que é duro demais culpar apenas o piloto”, comentou Tambay que já correu pelas equipes Ferrari,Mclaren e Renault.


A conclusão da FIA dividiu muitos opiniões, porém Alexander Wurz, que foi um dos membros do grupo da análise que chegou a esta conclusão, mostrou-se bastante agradado com o relatório.

“Estou agradado pela forma que concluímos. Estamos trabalhando para assegurar que esta decisão seja implementada”, disse Wurz, já citando algumas recomendações para o futuro.

Algumas recomendações foram repassadas a FIA, como o limites de velocidade em zonas de bandeira amarela, e garantir que as corridas sejam iniciadas 4 horas antes do pôr do sol.
"Recomenda-se também que o calendário da F1 seja revisado a fim de evitar, sempre que possível, corridas que ocorrem durante as estações chuvosas nos locais de realização", acrescentou.

Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário