Novo carro da Lotus apresentou problemas na parte traseira durante o crash-test


Depois de uma temporada bem turbulenta, a equipe Lotus ainda aparenta estar em uma situação bem delicada, isso porque a equipe de Enstone viu que o carro que será utilizado em 2015, o E23, foi reprovado nos testes de impacto exigidos pela FIA.

De acordo com informações da revista italiana "Omnicorse", o E23 apresentou problema durante os testes estáticos onde não conseguiu absorver de modo correto os impactos na parte traseira do chassis. Entretanto as partes laterais, o bico do carro e a célula de proteção do piloto, foram aprovados pela FIA.

A revista italiana também adiantou que o problema apresentado na parte traseira do E23 é o resultado das modificações que foram exigidas para o novo motor da Mercedes que tem uma estrutura bem diferente em relação ao antigo motor da Renault. Sendo assim Nick Chester e os engenheiros da equipe de Enstone deverão que redesenhar toda a parte traseira do E23, além de também reverem o projeto do bico do E23, que por muito pouco não foi reprovado durante os testes de impacto.


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário