Pérez é penalizado e perderá 7 posições no grid de largada do GP do Brasil


A FIA resolveu punir o piloto mexicano da equipe Force India, Sergio Pérez com uma perda de sete posições no grid de largada do GP do Brasil que ocorre no próximo fim de semana, além de perder dois pontos na superlicença. A punição que Pérez recebeu foi devido a sua atitude ainda na primeira volta do GP dos EUA, quando ele atingiu a Sauber de Adrian Sutil, o que provocou o abandono de ambos os pilotos e a entrada do Safetycar.

Em um comunicado sobre a punição de Pérez a FIA afirmou:

“O piloto do carro número 11 (Pérez) não poderia razoavelmente realizar a manobra de ultrapassagem. Ele poderia evitar ter evitado a colisão. Sua colisão com o carro número 99 (Sutil) foi totalmente imprudente".

Por sua vez o piloto mexicano que também tocou a Ferrari de Kimi Raikkonen disse que o incidente foi uma infelicidade.

“Tentei fazer a ultrapassagem no Sutil pois ele havia deixado a porta aberta, e eu mergulhei por dentro, mas Sutil começou a fechar a porta e acabei freando mais tarde do que ele na curva”.

“E por este motivo foi impossível de evitar o contato com o Kimi, já que eu não esperava que ele estivesse ali. Foi uma pena porque eu tinha boas chances de pontuar, era uma corrida muito importante”, concluiu o piloto mexicano.

Quem não ficou muito feliz, foi o piloto da Sauber, Adiran Sutil, que esperava conseguir para a equipe os primeiros pontos deles nesta temporada, porém com a colisão de Pérez eles acabaram perdendo a grande chance de pontuar.

“Foi decepcionante e desnecessário. Tínhamos a esperança de conquistar um grande resultado nesta corrida, mas perdemos tudo por causa de uma manobra estúpida como aquela, perdemos a nossa maior chance de marcar pontos neste campeonato devido a isto".


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário