Paz na Mercedes?



E nesta sexta-feira a equipe Mercedes fez uma reunião com seus dois pilotos, Lewis Hamilton e Nico Rosberg, com a intuição de amenizar o clima ruim que foi causado no domingo passado no GP da Bélgica quando Rosberg tentou passou Hamilton ainda na segunda volta da corrida, e acabou tocando sua asa dianteira na roda do piloto inglês que metros depois se viu com o pneu estourado.

E hoje Nico Rosberg divulgou em sua página oficial do Facebook, um comunicado pedindo desculpa para toda a equipe pelo incidente que ele teve com Hamilton durante o GP da Bélgica e afirmou também que não tinha a intenção de prejudicar seu companheiro de equipe Hamilton.

" Nos dias seguintes depois do Grande Prêmio da Bélgica em Spa, eu passei muito tempo pensando sobre o que aconteceu durante a corrida, para poder discutir esse assunto com a equipe. Já expressei meu pesar sobre o incidente, mas, após a reunião de hoje com Toto, Paddy e Lewis, eu gostaria de ir um passo além e dizer que foi um erro de cálculo de minha parte ", disse Nico .

"A regra número um da nossa equipe, é nunca colidir com o próprio companheiro de equipe, mas que foi exatamente o que aconteceu. Para este erro de, eu gostaria de pedir desculpas a Lewis e à equipe. Além disso, eu quero dizer que sinto muito pelos fãs, que foram privados da batalha entre nós ", acrescentou Rosberg.


A equipe Mercedes no final da reunião também, afirmou que seu pilotos vão continuar disputando livremente, porém não será tolerado novos incidentes igual foi visto no GP da Bélgica, e isso parece não ser um problema para que Nico Rosberg.

"Lewis e eu recebemos instruções claras sobre como devemos nos comportar quando estamos na pista batalhando. Como pilotos, temos uma grande responsabilidade em relação à equipe, aos fãs e até mesmo a Mercedes, e tomamos esta responsabilidade muito a sério. Mal posso esperar para começar esta batalha dura, mas justa, e que ela continue até a última volta da corrida de Abu Dhabi" concluiu o piloto alemão que tem uma vantagem de 29 pontos para seu companheiro na tabela de pontuação.

E após os pedidos de desculpa de Nico Rosberg, o inglês Lewis Hamilton também falou um pouco após a reunião, entretanto Hamilton não quis falar sobre seu companheiro, e preferiu enfatizar o conceito de equipe.

"Hoje nos reunimos com a equipe para discutir as nossas diferenças. Nico e eu concordamos que nós dois cometemos erros e seria erado eu apontar o dedo e dizer que um é pior que o outro. E o que é importante, é a forma de como superamos, como uma equipe está situação. Nós ganhamos e perdemos juntos e, como uma equipe, vamos sair mais forte" afirmou o campeão de 2008 .

"Ainda há uma boa base para trabalhar com Nico, apesar dos tempos difíceis e das nossas diferenças. Nós temos a melhor equipe, formada por caras que trabalharam tão duro para nos dar o melhor carro do grid. E é importante nunca esquecer isso, e temos que lhes dar os resultados que merecem".

"Toto e Paddy nos falaram claramente que a partir de agora vamos competir um contra o outro de forma justa e respeitosa. "

"Os fãs querem ver a luta limpa até o final da temporada e é isso que vamos lhes dar. Será um caminho difícil a partir daqui, mas alguns campeonatos foram ganhos por pilotos que estavam bem mais distante do que estou agora. Eu prometo que vou dar tudo de min para ganhar este título para a minha equipe, minha família e para os meusfãs" concluiu Lewis.

Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário